Coronavírus

Rui faz apelo à população: 'evitem a qualquer custo as aglomerações'

[Rui faz apelo à população: 'evitem a qualquer custo as aglomerações']
19 de Junho de 2021 às 16:25 Por: Divulgação Por: Redação Bnews

No dia em que o Brasil ultrapassou a marca de 500 mil mortes em decorrência da Covid-19, o governador Rui Costa (PT), apelou à população para evitar aglomerações durante os festejos juninos. O gestor suspendeu o transporte coletivo intermunicipal rodoviário e hidroviário no estado entre os dias 21 ao dia 28 de junho para evitar a disseminação do vírus. 

“Quero aqui fazer um apelo não só ao povo de Amargosa, mas a toda à região e a todos baianos. Estamos insistindo nessa tecla, pela preocupação com o aumento dos casos de Covid-19. Não queremos impedir a tradição, mas precisamos nos cuidar agora e evitar o pior depois”, disse o governador neste sábado (19), durante visita à cidade de Amargosa.

Rui destacou que a situação da pandemia poderia ser muito diferente no país se não fosse a lentidão da vacina. “Hoje, já era para 70% do povo brasileiro já ter sido vacinado. Infelizmente, o presidente não comprou a vacina no ano passado, quando os laboratórios ofereceram. Como a CPI está mostrando, teve laboratório que ofereceu ao Brasil vacina pela metade do preço e mesmo assim o presidente não comprou”.

Ele lembrou que, graças aos avanços na vacinação, na Europa, por exemplo, há jogos com público nos estádios, enquanto o Brasil se aproxima de uma terceira onda da doença. “Meu apelo é que, mesmo mantendo a tradição cultural do São João, evitem a qualquer custo as aglomerações”, enfatizou o governador, sugerindo que as pessoas façam suas comemorações dentro do grupo familiar com que convivem.
 

Classificação Indicativa: Livre


Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar