Artigo

Racistas, racistas

Arquivo pessoal

O fato é que de maneira geral e direta, o racismo está ligado à uma ideia discriminatória entre os seres humanos

Publicado em 01/08/2022, às 10h44    Arquivo pessoal    José Medrado

Mais uma vez fomos açodados pela repercussão de um crime racista, desses que acontecem todos os dias, o tempo todo, mas que nem sempre tomamos conhecimento, porém os filhos dos famosos Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso - Titi e Bless - infelizmente  foram vítimas em um restaurante de Portugal. Em um vídeo publicado neste sábado nas redes sociais, a mãe Geovanna confronta uma mulher a chamando de "racista nojenta".

 A mulher que xingou os filhos dos atores Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso foi solta depois de ser detida, na Costa da Caparica, no litoral de Portugal. A Divisão de Comunicação e Relações Públicas da Polícia confirmou a soltura após a agressora alegar que sofre de alcoolismo, por aqui se alega depressão, uso de medicação controlada na justificativa de diversos crimes, principalmente o de racismo, nas terras lusitanas é o uso de álcool. Sei.  O casal de atores afirmou que irá prestar queixa contra a mulher.

O fato é que de maneira geral e direta, o racismo está ligado à uma ideia discriminatória entre os seres humanos baseada nas diferenças externas e corporais que possuem, por questões estabelecidas em uma visão de hierarquia entre estruturas sociais, certamente em decorrência da escravização de pessoas e consequente nefasta imposição de superioridade entre biotipos físicos, principalmente com os negros. A sociedade brasileira, sem medo de errar, afirmo, é racista em sua estrutura e base, e tem perdido o seu escamoteamento, como em muitas outras questões, parece que está havendo uma espécie de legitimação, normalização de hostilidades diante das diferenças humanas. Ainda há quem verbalize, sem se dar conta do conteúdo da fala, quando, parecendo uma concessão, um favor, afirma, “não tenho preconceito algum, inclusive tenho até amigos que são negros, gays...”.

Vemos que ainda se faz confusão entre racismo, preconceito racial e discriminação racial. Vejamos: a discriminação racial é entendida como dar tratamento diferenciado a alguém ou a um grupo em razão da raça; o preconceito é entendido como a definição de um conceito sobre determinada pessoa ou grupo. Isso ocorre, por exemplo, na frase pejorativa “negros são mais violentos”, visto que ela pressupõe e conceitua que negros são violentos; racismo é entendido como uma forma sistemática de discriminação, em todos os sentidos e direção, por meio de práticas conscientes ou inconscientes que resultam em insulto, subvalorização, hostilidade, desvantagens... a determinado grupo racial. E, por favor, não me venha com o falacioso “luminar” conceito: só conheço uma raça, a humana...balela. E se você quer se saber racista ou não é só se perguntar se não haveria problema algum em ser tratado(a) como os negros são. É preciso sim não sermos omissos...e não deixarmos esses criminosos impunes.

Classificação Indicativa: Livre