Na Sombra do Poder

Na Sombra do Poder: Neto na bronca com Elmar

[Na Sombra do Poder: Neto na bronca com Elmar]
Por: Montagem BNews/ Reprodução/ Redes sociais/ Divulgação/ Leitor BNews Por: Editoria de Política 0comentários

Neto na bronca com Elmar
A mexida no tabuleiro político por causa da janela partidária deixou traumas severos no núcleo do DEM. A coisa evoluiu para um quadro que fez o prefeito ACM Neto explodir! O motivo do estresse foi o deputado federal Elmar Nascimento. Realinhando o partido, Elmar puxou pra si nomes importantes e deixou de fora Maurício Trindade. A polêmica tomou conta quando Maurício disse que estava na cota de Elmar e deixou Neto fulo da vida.

Operação de resgate

O arranca-rabo só cessou numa operação manejada pelo presidente da CMS, Geraldo Júnior (MDB), que descambou tarde da noite no sábado para um encontro às pressas com o vice-prefeito Bruno Reis e conseguiu acomodar Trindade no MDB. Mas não se enganem, o mal-estar entre Neto e Elmar não cessou.

Coringa
Ao final da corrida partidária, Geraldo Júnior acabou sendo batizado de “O Coringa”, porque, além de Trindade, conseguiu pavimentar a filiação de muita gente que se viu desamparada na última hora. Somou pontos com a turma.

Argolo, é você?
Quem viu o vídeo que Manoelito Argolo Júnior, ex-prefeito de Cardeal da Silva, colocou nas redes sociais mostrando solidariedade a famílias pobres em Subaúma, ficou impressionado como o clã Argolo repete a receita em ano eleitoral, explorando a miséria alheia. A diferença este ano é que a turma não terá mais o selo de qualidade da operação Lava Jato, que coroou o ex-deputado Luiz Argolo com quatro anos memoráveis de prisão.
 

O Sheik da Saúde em Feira
Muito além da Covid-19, um mistério profundo ronda a saúde de Feira de Santana, sobretudo quando o assunto passa por contratos para prestação de serviço com a prefeitura. É um volume avassalador de publicações com novos contratos e aditivos, sempre com cifras milionárias, como acontece com a Associação Mutuípe. Muitas outras entidades orbitam essa mina e pouco se sabe dos pormenores desses arranjos. A Polícia Federal já está de olho nesse quadro nebuloso, mas na prefeitura ninguém toma pé. O prefeito Colbert assiste à banda passar ao comando do Zé!

Ritmo próprio
Por falar em Feira, o isolamento social lá está acontecendo em ritmo bem peculiar.

As prioridades de Marcell

Na mira da Justiça Eleitoral pelas peripécias que andou aprontando em nome da bicharada, o deputado estadual Marcell Moraes parece que jogou pra cima a compostura da vida parlamentar e caiu na bagaceira nas redes sociais. O pequeno deputado ficou tão serelepe que até interagiu com uma dançarina que fazia uma transmissão ao vivo com trajes sensuais. Mas, logo em seguida, tomou uma enquadrada de um eleitor: “Vai trabalhar, Deputado!”. Em tempos de pandemia e dias difíceis para toda a população, Marcell Moraes tem suas prioridades.... e não é cuidar de bicho!

Deixa com quem sabe
Agora, se você quiser mesmo entender tudo o que está sendo feito pra enfrentar a Covid-19, pega aí essa explicação master do prefeito de Itabuna, Fernando Gomes. Na verdade, esse é um vídeo clássico que volta e meia o povo ressuscita na internet somente pra rir dessa performance folclórica.  

Pontuação

Que a Secretaria Municipal da Saúde está tendo trabalho extra com o combate ao coronavírus na capital baiana, todo mundo sabe, mas é importante prestar um pouquinho de atenção no Português. Manda tirar essa vírgula depois do isolamento social, Leo Prates!

Eu que lute


No mesmo dia em que o vice-prefeito Bruno Reis fez uma análise otimista sobre a estimativa de eleição do DEM no pleito desse ano, o vereador Kiki Bispo, recém chegado à sigla, fez uma postagem curiosa. Um internauta perguntou no Instagram quantos vereadores o novo partido deve fazer. Kiki disse de bate e pronto: 10 a 11. Eu que lute! Não tá fácil pra ninguém.

Sofrência
Em tempos de quarentena, as lives sertanejas estão fazendo sucesso nas redes sociais. O que não faltou foi político curtindo a sofrência. 

Fogo amigo
Neto não perdeu a oportunidade de alfinetar Bolsonaro: "lançou bem antes da gente e o dinheiro não chegou. A fome não espera", disse, fazendo referência ao coronavoucher do governo federal e o Salvador Por Todos da prefeitura.
 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas