Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Privacidade para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Na Sombra do Poder

Na Sombra do Poder: Taturana no Horto

[Na Sombra do Poder: Taturana no Horto]
Por: Reprodução/ Redes sociais/ Pixabay/ Divulgação/ GOV BA Por: Editoria de Política 0comentários

Solidariedade fake 
O secretário de Saúde de Salvador, Leo Prates, se adiantou e enviou uma nota de pesar pelo "falecimento" do renomado médico e cientista Elsimar Coutinho. Isso porque a informação circulou, mas logo depois foi desmentida. Elsimar permanece internado no Hospital Aliança. O que causou estranheza é Leo, com bom trânsito na área de Saúde, ter caído na notícia falsa. Até você, Leo? O que era pra ser uma mensagem de alento acabou sendo vista como um agouro.
Em tempo, a NSP deseja uma boa recuperação ao renomado médico Elsimar Coutinho. Força!

Do scarpin ao pé na lama

De scarpin a pé na lama, vale tudo pelo voto. A cena da deputada e pré-candidata à prefeitura de Lauro de Freitas, Mirela Macedo, alagada em uma rua da cidade já tem umas duas semanas que ocorreu, mas continua causando furdunço nos bastidores da "campanha". É certo que o fato vai ser usado na hora certa com foto e tudo.

Taturana no Horto

Que a pandemia trouxe novidades à fauna, todo mundo já sabia, mas aparecer “taturana” no condomínio dito de luxo do Horto foi demais! Ambientalistas alertam para o alto potencial danoso do pequeno animal, capaz de causar grandes estragos onde passa. No estado do Alagoas, onde espalhou seu veneno anos atrás, não deixou saudade... Entretanto, desavisados, moradores do Horto abriram-lhe as portas sem atentar para seus espinhos peçonhentos. Pelo visto, a lagarta ainda pretende comer muita folha. Estamos de olho!

Casa de ferreiro...
Caiu como uma bomba uma recente decisão da Justiça do Trabalho, noticiada pelo BNews, que o Conselho Regional de Medicina da Bahia (Cremeb) foi obrigado a estabelecer o teletrabalho a seus funcionários, pois eles haviam sido obrigados a retornar ao trabalho presencial. A pandemia já acabou? É daquele jeito: casa de ferreiro, espeto de pau! Internamente, o assunto repercutiu bastante entre os médicos associados, fragilizando o grupo de conselheiros que hoje está à frente do Cremeb.

Tamanho P

Não passou desapercebido o microfigurino do diretor da CMS, Adriano Gallo, na proteção contra o novo coronavírus. Chamou atenção porque o rapaz trocou a fantasia Chernobyl, pela qual ganhou fama nesta coluna, por uma máscara tamanho P. Nem 8 nem 80, né?

A lista de Neto
Corre à boca miúda que já tem gente se estapeando para constar na lista de convidados do casamento do prefeito ACM Neto, previsto para dezembro, conforme o BNews noticiou. Há quem diga que até grupo do Zoom foi criado para que os perus possam acompanhar o enlace matrimonial do ainda chefe do Thomé de Souza. 

MDB da esquerda

Desponta no cenário nacional o MDB da esquerda, que nasceria da fusão entre PCdoB e PSB, a partir de um movimento do governador do Maranhão, Flávio Dino. Ele quer ganhar musculatura para tentar a Presidência da República em 2022. Se isso acontecer, como ficam os caciques locais como Lídice, Hita, Alice, Davidson Magalhães e tantos outros? Vão se unir ou vão quebrar o pau pelo novo trono?

Seja quem for, o apoio está mantido
O deputado Niltinho está prestes a oficializar sua, previsível, desistência da pré-candidatura à prefeitura Salvador. Isso não vai mexer em nada na aliança firmada entre PCdoB e PP, pois o pacto entre os partidos vai além da prefeitura da capital baiana. Nelson Leal conseguiu apoio dos comunistas para sua empreitada de reeleição à Presidência da AL-BA, que envolve, antes de tudo, derrubar a PEC que impede a continuidade de mandato. Assim, os pepistas estão comprometidos a caminhar com Olívia, seja com qual nome for. 

Cada um por si e Rui por ninguém

Dez a cada dez aliados de Rui Costa reclamam da falta de articulação política do governador. A queixa é antiga, mas, em ano de eleição, o incômodo é maior, sobretudo porque essa desarrumação bagunça o baba de todo mundo pra 2022. No interior, tá um Deus nos acuda. Cada um por si e Rui por ninguém!

Centrão baiano I
Aliados de Rui nem sempre são inimigos de Neto. Uma fatia importante de partidos do grupo do governador baiano mostra certa indisposição em entrar de cabeça na eleição de Salvador para montar piquete contra Bruno Reis, o pré-candidato do prefeito ACM Neto. Cada um com suas razões, mas o fato é que parte do time que caminhou com Rui até aqui começa a dar sinais de cansaço, sobretudo com a escolha unilateral do governador pela major Denice Santiago. A falta de articulação pode entregar de bandeja ao Palácio Thomé de Souza pelo menos três partidos.

Centrão baiano II
O PDT está em tratativas avançadas – Ciro e Neto – e já tem até espaço no governo municipal. O PL tem sido monitorado e pode selar a união que costurou fazer em 2018. O Podemos, de Bacelar, também faz acenos ousados. O líder da oposição, vereador Sidninho, já cruzou a fronteira e subiu em palanque de Neto com uma lista de elogios ao gestor. Detalhe: o advogado Michel Reis, irmão de Bruno, tem livre trânsito na cúpula da legenda.  

Centrão baiano III
Interlocutores do PP e PSD disseram à NSP que os partidos de maior expressão na máquina estadual vão se manter fiéis ao governador, mas não devem gastar energia e dinheiro além da medida. 

O PSD, leia-se Angelo Coronel, cultiva uma boa relação com Bruno Reis, fruto ainda daquela articulação que fez a oposição da AL-BA apoiar seu nome e destronar Marcelo Nilo da Presidência da Casa. 

Já o PP, “se dependesse somente de Cacá”, dizem fontes ouvidas pela NSP, pode, sim, caminhar futuramente com Neto.

Faltou pouco para um ninho feroz
Por falar nisso, a arrumação que colocou Leo Prates no PDT passou antes pela porta dos Progressistas. Faltou pouco pra Leo ter ficado num abrigo político mais feroz. A tentativa de namoro com a legenda comandada pelo vice-governador João Leão falhou por falta de insistência. 

Mamãe eu quero

Que o mote da campanha de Major Denice é evocar o poder da sua imagem de mulher negra e, principalmente, mãe, todo mundo já sabe (#SalvadorMãedeTodos). Mas toda live vai ser a mesma celeuma?  #MaisDebateMenosMaternidade

Militância hétero
Foi curioso ver quantos acharam um absurdo as fotos íntimas vazadas do presidente de um clube baiano. Teve até jornalista militando no Twitter. Vazar fotos é crime, isso é fato, mas a gente espera que a postura seja a mesma quando acontecer com alguma mulher.
 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas