Justiça

C&A vai indenizar cliente chamada de macaca por funcionária

Loja terá que pagar R$ 8 mil por danos morais

Publicado em 25/10/2011, às 21h26        Redação Bocão News

A 5ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (RJ) decidiu, nesta segunda-feira (24), que a loja C&A Modas terá de pagar R$ 8 mil de indenização por danos morais a uma consumidora agredida verbalmente pela supervisora. Segundo a cliente, a funcionária se recusou a fazer o cartão da loja alegando que o documento de identidade apresentado era falso. Em seguida, teria rasgado a identidade e exigiu a apresentação de outro documento.

Como a cliente respondeu ao ato, a confusão teve início e a supervisora usou expressões como "crioula" e "macaca", na presença de outros consumidores, para ofender a mulher. Um grupo de seguranças providenciou a saída da compradora do local para evitar maiores desdobramentos. O grupo empresarial chegou a negar a ocorrência do fato, mas não apresentou evidências. Além disso, a C&A ressaltou, por meio de nota, que não compactua com qualquer tipo de discriminação e trabalha com a manutenção de relacionamentos profissionais éticos em todos os seus processos e com todos os seus públicos.

Classificação Indicativa: Livre