Cultura

Fila quilométrica se forma para oferendar Iemanjá

Imagem Fila quilométrica se forma para oferendar Iemanjá

Tempo de espera para homenagear rainha do mar ultrapassa duas horas

Publicado em 02/02/2013, às 17h17        Leonardo Santana (Twitter:@leosouzasantana)

Uma fila quilométrica se forma desde as primeiras horas da manhã deste sábado (02), no bairro do Rio Vermelho, para que baianos e turistas possam oferendar à rainha do mar. O altar principal montado por pescadores é o local mais procurado para quem quer fazer a demonstração de fé e enviar presentes para o auto mar. A espera na fila ultrapassa as duas horas.

A empresária Venécia Rocha, de 40 anos, enfrentou quase três horas de fila para entregar seus presentes, mas não demonstrou cansaço. “Vale muito a pena encarar toda essa fila. Tenho muita fé e venho desde criança, quando tinha quatro anos”, disse. Venécia trouxe flores e alfazema para fazer um pedido especial: “vim pedir por uma criança que está com problemas. Mas também quero muita prosperidade, paz e saúde”, complementou.

Raimundo Souza, pescador, de 47 anos, está gostando da festa tradicional, mas chamou atenção para um detalhe. “Este ano colocaram no altar apenas Iemanjá. Todos os anos fazemos algo de diferente, mas desta vez não deu. Podiam ter colocado mais novidades como sempre tem, tudo em homenagem a nossa ‘Santa Iemanjá’, finalizou.

Foto: Roberto Viana // Bocão News
Nota originalmente postada às 13h


Veja galeria de fotos no site 

Classificação Indicativa: Livre