Educação

Ufba anuncia novas obras em diversas unidades

Intervenções foram conquistadas junto ao MEC e terão Regime Diferenciado de Contratação

Publicado em 28/10/2013, às 15h09        Redação Bocão News (Twitter: @bocaonews)

A Universidade Federal da Bahia está dando início a uma série de obras que irão ampliar a infraestrutura da UFBA. Os projetos de construção de novas edificações serão executados com recursos complementares, que não estavam previstos no programa de expansão do Reuni. Esses recursos, um investimento de aproximadamente R$ 130 milhões, com início programado para janeiro de 2014, foram conquistados pela atual gestão da UFBA junto ao MEC.
Nesta nova rodada de expansão da infraestrutura da Universidade, estão sendo construídos prédios novos que se somam àqueles erguidos no programa REUNI, qualificando ainda mais as atividades acadêmicas da instituição. Destaque-se ainda que parte dos recursos de infraestrutura do REUNI-UFBA foram direcionados para a recuperação e reforma dos prédios das Unidades Universitárias já existentes, alguns construídos há quase 40 anos.
Para o processo de licitação das obras, a universidade adotará pela primeira vez o Regime Diferenciado de Contratações (RDC). O novo sistema, inicialmente instituído apenas para as obras da Copa, traz muitas vantagens que aceleram o processo de licitação, como a apresentação das propostas e a habilitação das empresas.
Um dos principais destaques deste conjunto de obras é a construção de uma nova Residência Universitária no bairro do Canela, que oferecerá moradia de qualidade (no padrão da recém inaugurada Residência da Garibaldi) para mais de 350 alunos e dos Pontos de Distribuição de Refeições dos campi do Canela e de São Lázaro, cujo edital foi publicado na última quinta-feira (24/10). Os Pontos de Distribuição ampliarão o acesso dos estudantes da UFBA às refeições.
O plano de obras inclui ainda a construção da Unidade Hospitalar Integral à Saúde da Mulher e da Criança (ISAMCO) no Hospital Maternidade Climério de Oliveira; a edificação de um prédio para o Instituto de Psicologia; a construção de prédios anexos para a Escola Politécnica e o Instituto de Ciências da Saúde, e a reforma e ampliação das Escolas de Dança e Teatro. A essas obras, se somarão brevemente novas construções no campus de Vitória da Conquista.

Classificação Indicativa: Livre