Entretenimento

Atriz vai parar na delegacia

Imagem Atriz vai parar na delegacia

Thalma de Freitas contou que foi revistada e humilhada por PMs e prestou queixa por abuso de autoridade

Publicado em 15/10/2011, às 09h15        Redação Bocão news

A noite de sexta-feira (14) foi tensa para Thalma de Freitas. A atriz e cantora Thalma de Freitas, 37, quer processar dois cabos do 23º Batalhão da Polícia Militar (Leblon) por abuso de autoridade.

Ela estava na saída da comunidade do Vidigal, na Zona Sul do Rio, de onde saía da casa de uma amiga, quando foi abordada na Avenida Niemeyer e foi levada pelos militares para a 14ª DP (Leblon).

Através de seu perfl no Twitter, Thalma disse que os PMs revistaram a bolsa dela e não encontraram nada, mas mesmo assim decidiram levá-la para a delegacia. Já o 23º BPM afirmou que a atriz teria se recusado a ser revistada e, por isso, foi levada para a delegacia. 

“Fui parada numa dura saindo da casa da minha amiga Dani no Vidigal. Revistaram minha bolsa, não acharam nada e me trouxeram pra delegacia. Fiquei muito calma, na paz da minha inocência. A delegada não me obrigou, mas fiz questão de ser revistada pela policial feminina. Colaboro para o processo contra abuso de autoridade de policiais. O que houve é comum para muita gente, hoje falo por quem não tem voz”, escreveu ela no Twitter.


A atriz ainda disse: "É a primeira vez que passo por essa humilhação. Não há outra coisa a fazer exceto processá-los por abuso de poder. Por que a loura que estava sendo revistada antes de mim não veio para cá? Será que artistas como eu e moradores do Vidigal, negros como eu, precisam passar por isso? Será que temos que ter medo da polícia? Porque estou aqui? Sou suspeita de quê? Gostaria que eles me explicassem".
Já os policiais militares que abordaram a Thalma disseram que o procedimento foi normal. "Não temos policiais militares femininas no batalhão, por isso a conduzimos à delegacia", disse o cabo Menezes.

Paula Lavigne foi ao e encontro da amiga na delegacia, assim como o advogado da atriz. Thalma pretende processar os policiais, que por sua vez informaram que o procedimento foi normal. De acordo com a Polícia, a atriz foi abordada por estar em atitude suspeita e foi levada a Deat onde foi revistada e em seguida liberada.
Thalma iniciou a carreira de atriz em 1992. Atuou em novelas como O clone, Laços de Família, Kunabakan e Caras & Bocas. Seu trabalho mais recente foi em Malhação, na temporada de 2010.
Na música, ela, que é filha do pianista, arranjador, compositor e maestro Laércio de Freitas, lançou um disco solo em 2004 e outro em 2007, com a Orquestra Imperial.
Ao saber da notícia vários fãs e amigos manifestaram apoio à atriz através de mensagens no Twitter.

Informações de O Fuxico e Estadão

Classificação Indicativa: Livre