Entretenimento

Gravações da Globoplay e do Multishow são suspensas após casos de covid-19, diz colunista

[Gravações da Globoplay e do Multishow são suspensas após casos de covid-19, diz colunista]
28 de Maio de 2021 às 08:04 Por: Ilustrativa Por: Redação BNews

Os telespectadores que estão no aguardo da segunda temporada da série 'Segunda Chamada', da Globoplay, terão que esperar um pouco mais. Isso porque as gravações foram suspensas após um caso de covid-19 ser confirmado no elenco, conforme divulgado pela plataforma.

"As gravações da segunda temporada de Segunda Chamada foram temporariamente suspensas esta semana, em cumprimento ao nosso protocolo de segurança, após a confirmação de um caso de COVID-19".

Segundo informações divulgadas pela colunista Fábia Oliveira, do jornal O Dia, uma atriz que chegou no Rio de Janeiro, vinda do Recife, foi diagnosticada com o coronavírus. Com isso, a produção iniciou uma maratona de testagem no elenco, principalmente os que dividiam cenas com ela.

Multishow
A situação é semelhante no canal Multishow, que também faz parte do grupo Globo. De acordo com a colunista, as gravações que vinham acontecendo nos estúdios do canal, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, foram interrompidas após suspeita de casos nos bastidores.

Em nota, a emissora não confirmou os casos, mas disse que a interrupção das produções é algo comum se existir algum registro.  "O Multishow segue com gravações no Rio de Janeiro e em São Paulo, como o TVZ (RJ), Jojo Nove e Meia (SP) e Os Roni (SP). Todas com rígidos protocolos, definidos por algumas das maiores empresas de biossegurança, e em conformidade com as diretrizes dos órgãos de saúde. Os testes de Covid na equipe fazem parte da rotina de gravação, assim como a suspensão temporária das produções em caso de exame positivo para a Covid-19 de algum membro".

No entanto, conforme a publicação do jornal, há informação até que  uma das funcionárias teria morrido por não resistir às complicações da doença. As contaminações teriam sido identificadas em funcionários e até integrantes do elenco de alguns dos programas da casa. Ainda de acordo com a coluna, há uma preocupação interna com um dos casos em específico, que precisou de internação. A produção teria sido avisada que os médicos suspeitam da variante indiana neste paciente.

O óbito foi negado pela emissora, assim como a suspeita de variante indiana. "O Multishow informa que não procede a informação da morte de uma funcionária do canal, nem a suspeita de contaminação por variante indiana". E reforça. "Desde a retomada das gravações, o Multishow investiu todos os seus esforços na implementação de um protocolo de segurança definido por algumas das maiores empresas de biossegurança, e em conformidade com as diretrizes dos órgãos de saúde".

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar