Entretenimento

Humorista diz que prefere ser órfão do que ser filho de pai transexual: “Melhor sozinho que no colo do capeta”

[Humorista diz que prefere ser órfão do que ser filho de pai transexual: “Melhor sozinho que no colo do capeta”]
Por: Reprodução/Instagram Por: Redação BNews 0comentários

O humorista Carlinhos Silva, que fazia o personagem “Mendigo”, no programa “Pânico na TV”, disse, nas redes sociais, que prefere ser órfão do que ser filho de pai transexual.

O depoimento do humorista foi sobre a campanha do Dia dos Pais da empresa Natura, que contratou o ator transexual, Thammy Miranda.

“Prefiro ser órfão do que ser adotado por uma mulher operada que se passa por homem para ter o privilégio de adotar uma criança. Prefiro ser também órfão do que ser criado por homem operado se passando também por mulher para querer ser mãe. É melhor estar sozinho nos braços de Deus do que sempre rodeado e acompanhado, mas no colo do capeta”, disse Carlinhos, nos stories do Instagram.

No início de maio, o humorista já havia causado polêmica por ter ironizado a quarentena e realizar uma festa com amigos, durante a pandemia do novo coronavírus.

Na quarta-feira (29), o humorista teve as redes sociais bloqueadas, após decisão da Justiça, por descumprir a medida protetiva e ofender a ex-mulher dele, Aline Hauck.

Segundo informações do jornal Folha de São Paulo, o humorista também deve mais de R$ 680 mil de pensão alimentícia e tem um pedido de prisão preventiva contra ele.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas