Esporte

De volta à Série A, Bahia recebe o Atlético Paranaense em Salvador

[De volta à Série A, Bahia recebe o Atlético Paranaense em Salvador]
14 de Maio de 2017 às 10:14 Por: Reprodução Por: Redação Galáticos Online
Tentando esquecer a perda do título baiano a também o futuro na grande final da Copa do Nordeste, o volta a atuar pela elite do futebol brasileiro, recebendo o Atlético-PR na estreia da duas equipes na Série A de 2017. O Esquadrão terá a seu favor a força da torcida na Fonte Nova, em dia que estreia um novo uniforme para os tricolores.
 
Na partida contra os paranaenses o tricolor tenta quebrar um tabu de não vencer em estreias na Série A desde 2002, podendo aproveitar a atenção que o Furacão vem dando para a Copa Libertadores.  
 
Sem poder contar com o ‘Brocador’ Hernane, o Bahia de Guto ferreira segue com um ataque mais ‘leve’, com o trio formado por Allione, Zé Rafael e Edgar Junio dando muita movimentação ao setor ofensivo. A criação de jogadas fica a cargo de Régis, maestro do Esquadrão que terá a companhia de Edson e Juninho no meio campo.
 
Atlético-PR: Tentando seguir vivo na Copa Libertadores da América, o Furacão vem a Salvador poupando alguns titulares.O time comandado por Paulo Autuori, que já não conta com atletas como o zagueiro Thiago Heleno, o volante Deivid, o meia Carlos Alberto e o atacante Pablo, não terá também as presenças dos defensores Wanderson e Paulo André, poupados. A maior aposta pode ser um velho conhecido do futebol baiano: Nikão, que se destacou Vitória e decepcionou no Fazendão.
 
 
 
 
FICHA TÉCNICA
 
Bahia x Atlético Paranaense
 
Brasileirão - 1ª rodada
 
Local: Fonte Nova, às 16h
 
Arbitragem: Flávio Rodrigues de Souza, assistido por Daniel Paulo Ziolli e Daniel Luis Marques (todos de SP)
 
Bahia: Jean, Eduardo, Tiago, Lucas Fonseca e Matheus Reis; Edson, Juninho e Régis; Allione,  Edigar Junio e Zé Rafael. Técnico: Guto Ferreira.
 
Atlético Paranaense: Weverton, Jonathan, Cleberson (José Ivaldo), Marcão e Nicolas; Eduardo Henrique (Otávio), Matheus Rossetto e Guilherme; Nikão (Yago), Douglas Coutinho e Eduardo da Silva. Técnico: Paulo Autuori.
 
 
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar