Esporte

Presidente do Conselho do Jacuipense critica Bahia após pedido de alteração em data de partida

[Presidente do Conselho do Jacuipense critica Bahia após pedido de alteração em data de partida]
04 de Maio de 2021 às 17:52 Por: Divulgação Por: Redação Galáticos Online

Até então ocorrendo sem problemas, o Campeonato Baiano vem enfrentando turbulências em sua definição final. Após solicitar junto a Federação Bahiana de Futebol (FBF), que houvesse uma alteração do calendário da competição, o Bahia não foi ouvido e acabou recorrendo Justiça.

De acordo com uma decisão da 7ª Vara do Trabalho, na noite desta segunda-feira (3), a partida entre Jacuipense x Bahia, marcada para esta quarta-feira (5), foi adiada, em razão do descumprimento do intervalo mínimo de 66h de descanso para os jogadores.

No entanto, a alteração acabou se tornando um grande problemas para as outras equipes do interior. Em criticas ao Bahia, o presidente do conselho deliberativo do Jacuipense, Felipe Sales, acabou lamentando o fato e espera que a data da partida seja mantida.

"A principio a gente aguarda a movimentação da Federação Bahiana. Acreditamos que existem elementos suficientes para alterar essa situação de 1° grau, e que o calendário seja mantido da maneira que está, com as partidas sendo realizadas nesta quarta-feira (5). Então, até hoje, aguardamos o posicionamento da FBF, e que a justiça seja feita. O Bahia atuou com o time de transição durante todo o Campeonato Baiano, e agora, por correr risco, o time toma uma posição contrária, por risco de não se classificar. Vamos aguardar o posicionamento da federação", disse Felipe Sales em entrevista à Rádio Sociedade News de Feira de Santana.

Quem também se manifestou contra o Bahia foi o presidente do Bahia de Feira, Jodilton Souza.

"A Federação Bahiana de Futebol (FBF) hoje tem um dialogo muito bom com os clubes do interior da Bahia. O que eu acho interessante, é que na arbitral que tivemos, a gente viu uma posição do Bahia como se o futebol da Bahia e o Campeonato Baiano não existisse, que eles participam apenas por obrigação. E de repente, quando chega na parte final, e eles (Bahia) ficam com chance de ficar de fora do quadrangular final, ai eles começam a utilizar artimanhas do século 16, quando a bola era quadrada", disse Jodilton, também à Rádio Sociedade News, de Feira de Santana.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar