Esporte

Presidente do Conselho Fiscal do Vitória é acusado de cometer infração estatutária

[Presidente do Conselho Fiscal do Vitória é acusado de cometer infração estatutária]
18 de Maio de 2021 às 09:53 Por: Maurícia da Matta/EC Vitória Por: Redação Galáticos Online

O presidente do Conselho Fiscal do Vitória, Jailson Reis, foi acusado de cometer infração estatutária.

A representação foi enviada ao presidente do Conselho Deliberativo do clube, Fábio Mota. O documento acusa Jailson de infração aos incisos IV e VI do artigo 54 do estatuto do Vitória por declarações públicas a respeito de situações internas do Leão. 

Em contato com o Galáticos Online, Jailson afirmou que vai se posicionar "oportunamente" após receber uma notificação do Conselho Deliberativo a respeito do tema.

Confira o artigo 54 do Estatuto do Vitória: 

"Ficará sujeito à perda do cargo o membro do Conselho Fiscal que:

I - perder a condição de Associado;

II - faltar, injustificadamente, a três reuniões consecutivas, ou seis intercaladas;

III - deixar de cumprir suas obrigações estatutárias durante seis meses;

IV - praticar ato atentatório aos interesses ou ao bom nome do VITÓRIA;

V - acionar ou demandar de maneira temerária contra o próprio VITÓRIA, suas controladas
ou coligadas;

VI - fizer uso de qualquer meio de comunicação para veicular expressões ofensivas ao
VITÓRIA ou aos membros dos seus órgãos, ou para divulgar informações da vida
administrativa do VITÓRIA, de caráter reservado, ou sobre assunto ou informação
reservada pendente de apreciação por qualquer um dos poderes." 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar