Esporte

Conselho do Sport recebe pedido de expulsão de conselheiro após caso de homofobia contra Gil

[Conselho do Sport recebe pedido de expulsão de conselheiro após caso de homofobia contra Gil]
18 de Maio de 2021 às 15:02 Por: Reprodução/TV Globo Por: Redação BNews

O Conselho Deliberativo do Sport recebeu o ofício que pede a expulsão do conselheiro  Flávio Koury após sua declarações homofóbicas contra o ex-BBB Gilberto Nogueira, conhecido como Gil do Vigor. 

"Recebemos a representação do conselheiro Romero. O estatuto e regimento interno dizem que uma nova presidência tem até a terceira sessão ordinária para montar a Comissão de Ética da gestão, mas não vou esperar até julho, vou antecipar. Na reunião de junho colocaremos na pauta a formação da comissão", afirmou o presidente do Conselho, Pedro Leonardo Lacerda.

O Conselho de Ética será formado por cinco conselheiros, em que três são indicados pelo presidente e os outros dois são definidos pelo plenário. Pedro Leonardo Lacerda afirma ainda não ter os nomes que indicará para a composição.

"Vou conversar com a mesa, compartilhar para ver os melhores nomes. Vou perguntar quantos se dispõe a participar. Nos escolhidos pelo plenário, não posso impor, mas vou ponderar de que tenham formação jurídica", complementou.

Após a formação da Comissão de Ética, a denúncia será encaminhada para o respectivo presidente apreciar a denúncia e decidir esse processamento. O Conselho tem 30 dias para analisar o caso e pode pedir uma prorrogação por mais 30 dias caso, caso julgue necessário. A ampliação do prazo, no entanto, depende do aval do presidente do Deliberativo. Passado o término do prazo determinado, a Comissa de Ética devera concluir a avaliação e enviar para o Conselho Deliberativo do clube.

"Eu convoco uma reunião para a apreciação do parecer da comissão de ética. O plenário do Conselho vai definir pela punição ou não. Importante dizer que estamos tendo todo o respeito ao estatuto e regimento. A gente precisa respeitar a legislação aplicável", explicou o presidente do Conselho.

Relembre

Áudios do conselheiro do Sport Flávio Koury enviado a um grupo no WhatsApp viralizaram na sexta-feira (14). Nas mensagens, ele reclamou da dança do ex-BBB no estádio.

"1,2 milhões de visualizações. Arretado. 1,2 milhões de pessoas achando que o Sport só tem viado, só tem puto, só tem galinha, só tem bicha. É bom, muito bom, um marketing arretado. Vai vender a camisa, rapaz. A viadagem todinha vai comprar, vai ser lindo", disse Flávio.

Gil declarou sentir pena do conselheiro ao se posicionar nesta sábado (15). "Inicialmente, doeu muito, eu fiquei muito abalado. Só que, depois, eu pensei: 'gente, é uma pessoa só'. Eu tenho, na verdade, assim, pena dele. Pena por ele não ter aprendido, não ter absorvido tanto tempo e oportunidades de que preconceito não leva a nada. Então, eu tenho pena dele, é isso que eu sinto", afirmou o brother.

Matérias relacionadas:

Ex-integrantes do BBB apoiam Gil após homofobia de conselheiro do Sport

Conselheiro do Sport pede desculpas por declarações homofóbicas contra ex-BBB Gil do Vigor

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar