Esporte

Maurício Souza é demitido após comentários homofóbicos; veja comunicado

Divulgação/FIVB

Pressão de patrocinadores surtiu efeito

Publicado em 27/10/2021, às 16h42    Divulgação/FIVB    Henrique Brinco

O jogador Maurício Souza foi desligado do Minas Tênis Clube, nesta quarta-feira (27). O anúncio foi feito pelo próprio time de vôlei, nas redes sociais. "O Minas Tênis Clube informa que o atleta Maurício Souza não é mais jogador do Clube", declarou a agremiação, que já havia afastado o atleta por tempo indeterminado.

Leia também:

Ele também se pronunciou. "Não sou mais jogar do minas! Agradeço aos meus companheiros, comissão técnica, meu Fisio ao meu diretor, presidência e sócios por tudo! Sigo meu caminho plantando o que acredito, meu legado continua! O que deixarei para meus filhos e netos é o que conta no final", escreveu.

As rescisão do contrato acontece após inúmeras polêmicas do atleta, que é apoiador do presidente Jair Bolsonaro. A mais recente delas aconteceu após uma postagem de teor homofóbico no Instagram. Maurício criticou a nova edição da história em quadrinhos do novo Super-Homem, em que o herói aparece beijando outro rapaz.

Internautas pressionaram os patrocinadore do Minas Tênis Clube, que cobraram um posicionamento mais severo contra o jogador. Diante da pressão, Maurício pediu desculpas em uma rede social com menor número de seguidores que o seu perfil original. Depois, após ser novamente criticado, gravou um vídeo de retratação.

Leia também:

"Eu vim aqui pra pedir desculpas a todos que se sentiram ofendidos com a minha opinião, por eu defender aquilo que eu acredito. Não foi minha intenção. Assim como vocês defendem o que vocês acreditam, eu também tenho o direito de defender o que eu acredito, tá certo? Não precisamos brigar por isso", disse.

Maurício também foi criticado pelo próprio colega de Seleção Brasileira, Douglas Souza, que é homossexual assumido.

Acompanhe o BNews também nas redes sociais através do Instagram, do Facebook e do Twitter

Classificação Indicativa: 18 anos