Esporte

William comenta sobre contratados, encostados e troca de Feijão

Dirigente revelou que volante da base ainda pode ir para o Flamengo

Publicado em 07/01/2014, às 06h32        Redação Galáticos Online (Twitter: @galaticosonline)

O novo diretor do Bahia, William Machado, concedeu entrevista coletiva na manhã desta segunda-feira (6), na sala de imprensa do Fazendão. O dirigente tricolor esclareceu diversos pontos sobre as novas contratações do clube.

“Todos os atletas assinaram contrato de um ano com opção de compra. Em caso de negociação futura o Bahia receberá uma taxa de vitrine e também uma participação, coisa que num passado recente não existia. Todos os contratos que estão sendo feitos, exigimos esta prerrogativa. Teve até o caso de um atleta que não acertou a vinda para o Bahia, pois o clube que estava negociando não tinha interesse nesta causa. O caso mais recente foi do Fernandão, que se destacou aqui no Bahia, foi vendido e o Bahia não teve nenhuma vantagem a mais que não fosse a participação dele dentro de campo”, comentou o Capita.

William explanou sobre a troca de Feijão por Rafinha, do Flamengo, e revelou que a negociação ainda pode acontecer. “O Flamengo, que também tem o Rafinha como talentoso, nos procurou para ter o Feijão e fez uma proposta. Foi o que se falou muito. Em nenhum momento concordamos com essa proposta de 2 ou 3 atletas da base. Se vazou da imprensa do Rio, a gente sempre negou. Não vamos trocar 2 ou 3 atletas do Bahia por um do Flamengo, no que pese ser um grande jogador também. Se houver uma troca, será o Feijão pelo Rafinha e nenhum dos dois com passe fixado. Tanto o Flamengo como o Bahia ganhariam”, disse.

Questionado sobre o grupo de jogadores que não se apresentou nesta segunda-feira (6) com o elenco principal, o dirigente foi enfático. “Montamos uma lista por volta de 12 a 13 atletas que em princípio não fará parte do grupo principal. Numa eventual necessidade futura, esses atletas podem ser reincorporados. Em princípio talvez a gente empreste. Temos negociado com alguns clubes o empréstimo de alguns jogadores, dentre eles o próprio Souza. Esta base que foi mantida no momento são os que pensamos que tem a melhor afinidade com a diretoria que estamos montando”, finalizou William.


Publicada no dia 6 de janeiro de 2014, às 16h5

Classificação Indicativa: Livre