Esporte

Dono do PSG sequer ouviu Neymar durante recentes negociações

[Dono do PSG sequer ouviu Neymar durante recentes negociações]
13 de Setembro de 2019 às 10:12 Por: Reprodução/Instagram Por: Redação Galáticos Online 0comentários

A novela envolvendo Neymar, PSG e Barcelona chegou ao final graças ao fechamento da janela de transferências do mercado europeu e ele permaneceu na agremiação. Acontece que toda essa história se arrastou por muito tempo, sendo que o dono do Paris Saint-Germain e Emir do Qatar, Tamim Bin Hamad Al Thani, já tinha a sua decisão neste caso, e ela consistia em só aceitar a saída de Neymar, caso outro clube pagasse os 222 milhões de euros que ele tirou dos cofres do PSG para contratar o jogador.

A grande questão é que Al Thani sequer escutou o jogador ou seu estafe, de acordo com o UOL Esporte, que também publicou que o diretor de futebol do clube francês, Leonardo, conversava com os representantes de Neymar e passava as informações via telefone para Al Thani. O jornal "Le Monde" afirmou que essa novela com o Barcelona foi uma estratégia de marketing de quem sempre quis mostrar poder e resistência, neste caso, o dono do PSG.

Ainda segundo a publicação, a discrição do Emir do Catar faz com que todos pensem que quem comanda o clube francês é o presidente, Nasser Al-Khelaifi, mas não é. Embora apareça mais, a decisão final sempre é de Al Thani, que comprou o PSG em 2011 e colocou Nasser na presidência no ano da compra.

A principal ideia de Al Thani na contratação de Neymar era promover a Copa do Mundo no Qatar em 2022, já que o craque brasileiro é um fenômeno da propaganda mundial e uma excelente figura para se fazer marketing. Inclusive, o contrato do camisa 10 da Seleção Brasileira vai até o ano desta Copa, mas as relações entre jogador, clube e dirigentes anda estremecida e não a saída de Neymar do PSG não deve demorar mais tanto tempo.
 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

Eduardo Entrevista

Mais Lidas