Geral

Av. Paralela é destaque em número de mortes

Publicado em 13/03/2012, às 10h53   Alessandro Isabel


FacebookTwitterWhatsApp

A morte de uma adolescente de 16 anos na noite do último domingo (11), após o carro em que ela estava capotar na Avenida Luiz Viana Filho – Paralela – deixando sete feridos só fez engrossar as estatísticas negativas de acidentes e óbitos na referida via. Com média de 130 mil veículos por dia passando pelo local, registrando engarrafamentos, reclamações e muita insatisfação por parte de motoristas e passageiros que permanecem intermináveis horas tentando atravessar os 14 km da importante via – Aeroporto até Iguatemi e vice-versa -, a avenida também tem se destacado pelos altos indices de colisões e mortes, posto que foi elevado em 2011 e continua em 2012.

Segundo dados da Superintendência de Trânsito e Transporte de Salvador
(Transalvador), órgão responsável pela manutenção e organização do trânsito da capital baiana, de 1º de janeiro a 11 de março deste ano foram registrados 102 acidentes, com 94 feridos e oito mortes. Já em 2011 – janeiro a dezembro – o órgão registrou 390 acidentes com 17 mortos. Fazendo comparações com outras avenidas movimentadas é possível perceber a diferença no número de registros no período de 12 meses:



Acidentes nas principais avenidas de Salvador 2011

·         Av. Luiz Viana (Paralela) – 390 acidentes – 17 mortos
·         Av. Antonio Carlos Magalhães (ACM) – 238 acidentes – 08 mortos
·         Av. Afrânio Peixoto (Suburbana) – 209 acidentes – 16 mortos
·         Av. Octávio Mangabeira (Orla) – 155 acidentes – 04 mortos
·         Av. Vasco da Gama – 154 acidentes – 02 mortos

Segundo estudos técnicos da Diretoria de Trânsito da Transalvador, a Av Paralela é a mais movimentada de Salvador no das 7 às 20 horas. Confira:

·         Av. Tancredo Neves, Shopping Sumaré, sentido Sarah - 100.000 veiculos
·         Av. ACM, Hiperposto, sentido Rio Vermelho - 45.000
·         Av. Afrânio Peixoto (Suburbana), em Escada, sentido Paripe - 11.900
·         Av. Octávio Mangabeira, sentido Itapuã, 38.400
·         Av. Vasco da Gama, Extra, sentido Rio Vermelho - 38.700
·         Av. Mário Leal Ferreira, Revisa, sentido Iguatemi - 106.000
·         Av. Silveira Martins, sentido Cabula - 15.000
·         Av. Barros Reis, sentido Atacadão - 33.000
·         Av. Luiz Viana (Paralela), Imbuí, sentido Itapuã - 130.000

O fluxo de veículos que circulam pela Paralela – 130 mil –, talvez possa explicar o elevado número de acidentes, mas não o número de mortos. Se na Av. Vasco da Gama foram registradas duas vítimas fatais, com 38.700 mil veículos passando por dia, na Paralela que apresenta quatro vezes mais o número de veículos, foram contabilizados oito vezes o número de mortes - 17 - do contabilizado na Vasco da Gama. Vale ressaltar que a Av. Paralela é a via que apresenta maior velocidade permitida: 80 km/h.

Foto: Patricia Costa

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp