Geral

Caetano chama atenção de Dilma para a seca verde

Ele afirma que os agricultores e pecuaristas, grandes, médios e pequenos, além da população, estão revoltados

Publicado em 29/01/2013, às 09h21        Redação Bocão News (Twitter: @bocaonews)

Com a experiência de quem tem lidado diretamente, durante anos, com o problema da seca, o ex-presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB ), Luiz Caetano, chama atenção para uma precaução que a presidenta Dilma Rousseff precisa ter antes da anunciada viagem ao Nordeste.
Segundo Caetano, que foi prefeito de Camaçari e  conseguiu fazer o sucessor e é citado como um dos pré-candidatos da base governista à sucessão do governador Jaques Wagner, a presidenta, antes da visita à região nordestina, deve averiguar detalhadamente o motivo de grande parte das verbas destinadas ao combate à seca não ter chegado nos municípios, que tanto necessitam.
Ele afirma que os agricultores e pecuaristas, grandes, médios e pequenos, além da população, estão revoltados, portanto Dilma Rousseff necessita de uma boa explicação para acalmar os ânimos, além de apresentar propostas concretas para aliviar o sofrimento com a estiagem
prolongada em todo o Nordeste.
Caetano, inclusive, chama atenção para o início da chamada seca verde, que se dá logo depois da chegada da chuva, quando o campo floresce mas o agricultor necessita de grãos, equipamentos, assistência técnica, extensão rural e outras ações do poder público.

Classificação Indicativa: Livre