Bahia

Itabuna: Atendimento obstétrico e de pediatria será restabelecido em Itabuna

[Itabuna: Atendimento obstétrico e de pediatria será restabelecido em Itabuna]
Por: Divulgação Por: Redação BNews 0comentários

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) informou que será restabelecido o atendimento obstétrico e pediátrico na rede assistencial da região de Itabuna, no Sul da Bahia. Segundo a pasta, a decisão foi tomada na noite desta terça-feira (8) durante uma reunião entre o secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, e representantes da prefeitura de Itabuna, da Santa Casa de Misericórdia, Hospital de Base e Fundação Fernando Gomes.

Com a decisão de fechamento da Maternidade Ester Gomes (Mãe Pobre), confirmada pelo conselheiro Sérgio Gomes, presente à reunião, os atendimentos de obstetrícia e ginecologia daquela unidade serão transferidos integralmente para o Hospital Manoel Novaes, pertencente à Santa Casa de Misericórdia de Itabuna. 

Já os atendimentos pediátricos serão absorvidos, a partir da próxima segunda-feira (14), pela UPA municipal, que será equipada e terá os profissionais contratados ao longo dos próximos dias.

Ainda de acordo com a Sesab, dois novos Pronto Atendimentos Pediátricos serão inaugurados pela Prefeitura nos bairros de São Caetano e de Nova Itabuna. As Unidades Básicas de Saúde daquelas localidades serão transformadas em Unidades Mistas e passarão a contar com pediatras de segunda a sábado das 7 às 19h e estarão aptas a pequenos atendimentos de urgência, como nebulização e reidratação oral.

A pasta detalha que o novo desenho da rede materno-infantil de Itabuna só foi possível após intervenção do secretário estadual, que convocou todos os envolvidos para uma reunião emergencial na sede da Secretaria da Saúde do Estado, em Salvador. 

Vilas-Boas afirma que havia alinhado desde o último dia 18 de setembro uma solução com representantes da Santa Casa e da Prefeitura de Itabuna e batido o martelo com o prefeito Fernando Gomes. Mas a decisão da Maternidade Ester Gomes de fechar as portas para o atendimento obrigou a se buscar um novo arranjo da rede. “Estou confiante que o novo desenho que acordamos aqui resultará no fortalecimento da rede de atendimento à urgência materno-infantil de Itabuna e região”, garante Vilas-Boas.

 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas