Política

Ilhéus: suplentes tomam posse após prisão e afastamento de vereadores

[Ilhéus: suplentes tomam posse após prisão e afastamento de vereadores]
22 de Maio de 2019 às 07:01 Por: Divulgação / Câmara de Ilhéus Por: Redação BNews 0comentários

Foram empossados três vereadores suplentes na Câmara Municipal de Ilhéus, no sul da Bahia, nesta terça-feira (21). Eles assumem os gabinetes de parlamentares investigados na Operação Xavier, liderada pela 8ª Promotoria de Justiça de Ilhéus. Tomaram posse Augustão (PSB), Gilmar Sodré (PP) e Reinaldo Oliveira (PP), eles substituem Lukas Paiva (PSB), Aldemir Almeida (PP) e Tarciso Paixão (PP), respectivamente.

A decisão da convocação e posse dos suplentes foi uma das pautas da reunião que aconteceu com a Mesa Diretora. A Procuradoria Jurídica informou o afastamento dos servidores envolvidos com três exonerações a pedido e outras uma por determinação do presidente.

A operação

O Ministério Público da Bahia (MP-BA), com apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), deflagrou a Operação Xavier, na manhã da última quarta-feira (15), que desarticulou uma organização criminosa que atuava na Casa Legislativa, entre os anos de 2011 e 2018. Os envolvidos são investigados por crimes contra a administração pública, fraudes em licitações, contratos e lavagem de dinheiro.

De acordo com a PRF, a investigação é uma continuidade da apuração de indícios de reprodução, na Câmara Municipal de Ilhéus, dos esquemas fraudulentos evidenciados no Poder Executivo pela Operação Citrus, que revelou esquemas de corrupção praticados por agentes públicos com o apoio de empresas de assessoria contábil e de licitações, contratadas para maquiar documentalmente a prática dos diversos ilícitos apurados.

 

Relacionadas
Operação Xavier: alvo de mandado de prisão, servidor da Câmara se apresenta à Justiça
Ilhéus: MP-BA não descarta envolvimento da Prefeitura em crimes cometidos por ex-presidentes da Câmara
Vereador de Ilhéus envolvido em organização criminosa se entrega à polícia
Ilhéus: Vereador Lukas Paiva chefiou uma das maiores organizações criminosas da Câmara, diz MP-BA
Ilhéus: preso na Operação Xavier, secretário municipal chamava propina de “sarapatel”
Operação Xavier: empresário pede que prisão preventiva seja convertida em domiciliar
Ilhéus: prefeito afasta secretário preso na Operação Xavier
Ilhéus: após Câmara ser alvo de operação, presidente afirma que sua gestão é transparente 
Operação desarticula grupo criminoso que atuava na Câmara de Ilhéus; secretário e empresário são presos

 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

Eduardo Entrevista

Mais Lidas