Coronavírus

Procuradoria da República na Bahia adia retorno de atividades presenciais para 31 de agosto

[Procuradoria da República na Bahia adia retorno de atividades presenciais para 31 de agosto]
Por: Reprodução/ Google Street View Por: Marcos Maia 0comentários

A Procuradoria da República na Bahia adiou o retorno de suas atividades presenciais, anunciada para a próxima segunda-feira (3), para 31 de agosto. Uma nova portaria publicada no caderno administrativo da edição desta quinta-feira (30) revoga a data originalmente descrita no documento publicado na última terça (28).

A portaria publicada nesta manhã reitera medidas anunciadas para a retomada dos serviços presenciais, e anteriormente apresentadas tendo como objetivo a prevenção de contágio pela COVID-19. Entre elas estão a implantação de escala para trabalho presencial - regime que excluirá idosos, gestantes, pessoas com filhos menores de 12 meses e portadores de doenças  respiratórias, por exemplo – e a aferição de temperatura antes de entrar na unidade.

Enquanto o documento assinado pela procuradora da República, Juliana de Azevedo, tiver validade, o atendimento ao público externo ocorrerá exclusivamente de forma remota, preferencialmente por meio do sítio eletrônico do MPF, acessando a área “MPF Serviços”, por e-mail, ou por meio de atendimento telefônico ou do uso da ferramenta Whatsapp Business.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas