Justiça

Justiça determina penhora do prédio do A Tarde para garantir pagamento das dívidas trabalhistas

[Justiça determina penhora do prédio do A Tarde para garantir pagamento das dívidas trabalhistas]
Por: Reprodução Por: Redação BNews 0comentários

A Justiça determinou no último dia 8 de agosto a penhora do prédio do jornal A Tarde. O juiz Murilo Carvalho Sampaio Oliveira, "em atenção à máxima transparência, dê-se vista ciência desta decisão de bloqueio e dos termos do acordo global à Caixa Econômica, via ofício, a fim de observar o super privilégio dos créditos trabalhistas", cita a decisão recebida pelo BNews.

Procurada, a presidente do sindicato dos jornalistas da Bahia, Marjorie Moura confirma a decisão. "Foi um acordo feito pela categoria e o jornal, mediado pelo TRT (Tribunal Regional do Trabalho) e que consideramos uma vitória. O jornal hoje está pagando em dia e temos a esperança de manter a atividade econômica do jornal com esta decisão", afirmou.

Na semana passada, o BNews adiantou na coluna Na Sombra do Poder que uma negociação nos bastidores está prestes a selar a venda do prédio do jornal por R$ 40 milhões. Uma possibilidade ventilada é que no local será instalada uma unidade da loja Leroy Merlin. Com isso, a redação do periódico vai migrar para o edifício Suarez Trade.

A reportagem tentou contato com representantes do jornal, mas as ligações não foram atendidas.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas