Justiça

STJ adia julgamento de recurso de Flávio Bolsonaro sobre "rachadinhas" na Alerj

[STJ adia julgamento de recurso de Flávio Bolsonaro sobre
Por: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil Por: Redação BNews 0comentários

O ministro Félix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu adiar o julgamento que analisaria um recurso do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos) no caso das "rachadinhas".

De acordo com informações do portal UOL, não foi informado o motivo pelo qual o julgamento previsto para acontecer na tarde desta terça (15) foi adiado.

O processo corre em sigilo. Ainda não foi definida uma nova data para análise do recurso no qual Flávio pede que sejam interrompidas as investigações do Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ).

Em abril e em maio, o ministro Felix Fischer, relator do processo, negou pedidos do senador para parar as apurações. Com isso, o recurso seria  analisado pela 5ª turma da corte. Flávio pede para que o STJ considere nulas as provas colhidas e sustenta que houve quebra de sigilo bancário sem autorização judicial.

O MP-RJ acusa o senador de chefiar um esquema criminoso de desvio de verbas públicas da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). Os promotores também investigam a participação do então assessor e amigo da família Bolsonaro, Fabrício Queiroz, nesse suposto esquema.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas