Justiça

Justiça do Rio autoriza quebras de sigilo de Dr.Jairinho e Monique Medeiros

[Justiça do Rio autoriza quebras de sigilo de Dr.Jairinho e Monique Medeiros ]
22 de Julho de 2021 às 19:24 Por: Reprodução/TV Globo Por: Redação BNews

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro concedeu as quebras de sigilo bancário e fiscal de Dr. Jairinho, ex-vereador cassado, e da professora Monique Medeiros, de 33 anos. Os dois estão presos desde o dia 8 de abril acusados pela morte do menino Henry Borel no dia 8 de março.

A promotoria pediu uma indenização de 1,5 milhão de reais para o pai da criança, o engenheiro Leniel Borel de Almeida, de 37 anos.

Segundo a Veja, o juiz Daniel Werneck Costa afirmou que as defesas de Jairinho e de Monique não se manifestaram em relação à autorização da Justiça. O magistrado negou o pedido de liberdade do casal na segunda-feira (19).

Leia também:

Presa há três meses, Monique fala sobre Henry: 'Precisou morrer para que todas essas torturas fossem reveladas'

 

Classificação Indicativa: Livre


Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar