Política

Após ação penal ir para juizado, audiência de Neto contra Zé Trindade é marcada para março

[Após ação penal ir para juizado, audiência de Neto contra Zé Trindade é marcada para março]
Por: Arquivo / BNews Por: Yasmin Garrido 0comentários

Depois de o juiz Ricardo Augusto Schimitt, da 10ª Vara Criminal de Salvador, entender que não teria competência para julgar a acusação do prefeito ACM Neto (DEM) contra o vereador José Trindade (PSB), quanto à publicação de uma imagem do democrata montado em um velotrol, o processo foi encaminhado ao juizado especial e recebido pela juíza Regina Maria Couto de Cerqueira.

A magistrada analisou a documentação e marcou a audiência de instrução para o dia 13 de março, quando as partes serão ouvidas e as provas analisadas. Na mesma ação, já foi julgada na Justiça Comum a acusação do prefeito sobre um vídeo publicado no Facebook pelo parlamentar, denominado de “Cartel Thomé de Souza”, saindo o vereador inocentado.

Dia das crianças
A denúncia que agora corre no juizado especial consta que o vereador publicou uma imagem em “suposta alusão à estatura física do prefeito, comparando a imagem do gestor à de uma  criança e, bem assim, afirmando que este jamais cresceria, fazendo referência, também ali, à sua condição de figura pública”.

“Na primeira parte que correu na Vara Criminal, onde acusei a Prefeitura de corrupção, o processo acabou arquivado, sendo considerado o processo como improcedente. No caso do velotrol, a foto foi tirada pelo próprio staff do prefeito.  Aguardamos com toda tranquilidade qualquer tipo de decisão da justiça. Volto a ressaltar também que confio na imparcialidade da justiça baiana”, afirmou Trindade em nota enviada ao BNews.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas