Justiça

Eleições OAB-BA: "Vão gastar dinheiro com um colega que vem para cá fazer nada", alfineta Luiz Viana sobre observador federal

Victor Pinto/BNews

A declaração foi no mesmo tom da fala de Fabrício Castro, presidente da OAB-BA, mais cedo. Para ele, o pedido feito pela chapa encabeçada pela advogada Ana Patrícia Dantas, e que acabou sendo acatado, foi  "desnecessário" e "absolutamente irrelevante''. O advogado Francisco Queiroz Caputo Neto, da secção do Distrito Federal, foi designado para a tarefa. 

Publicado em 24/11/2021, às 11h53    Victor Pinto/BNews    Victor Pinto e Marcos Maia

Atual vice-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), e ex-presidente da seção Bahia da Ordem, Luiz Viana, disse que a decisão de designar um observador federal para as eleições desta quarta-feira (24) foi "lamentável". A declaração foi no mesmo tom da fala de Fabrício Castro, presidente da OAB-BA, mais cedo

Para ele, o pedido feito pela chapa encabeçada pela advogada Ana Patrícia Dantas, e que acabou sendo acatado, foi  "desnecessário" e "absolutamente irrelevante''. O advogado Francisco Queiroz Caputo Neto, da secção do Distrito Federal, foi designado para a tarefa. 

"Achei lamentável a decisão. Não fomos ouvidos - nem a OAB da Bahia. Foi uma decisão monocrática e equivocada do presidente da comissão nacional. Acho que vão gastar dinheiro com um colega que vem para cá fazer nada", disse Viana ao BNews

Ele também lamentou os ataques que sofreu durante a campanha. Durante o debate da Band Bahia, na última segunda-feira (22), os candidatos Ana Patrícia e Ricardo Nogueira criticaram o vice-presidente da OAB nacional por recebimento de auxílio moradia, com a intenção de atingir a chapa de Daniela Borges - apoiada por Viana. 

"Lamento profundamente. Isso não é permitido nem na nossa resolução, nem muito menos no comportamento político razoável, onde temos o enfrentamento de ideias, das propostas. Preservando as pessoas", opinou. Por fim, o ex-presidente da OAB-BA também fez um balanço positivo da reta final do sufrágio.

"Houve uma grande participação da advocacia de todos os estratos - da jovem advocacia aos advogados mais velhos. Acho que isso vai demonstrar uma capacidade política da advocacia baiana de se importar com sua instituição", concluiu.

Leia Também

Eleições OAB-BA: Presidente da Comissão Eleitoral diz que grupo conseguiu praticamente zerar pendências sobre campanha

OAB-BA: “Infelizmente temos visto um abuso do poder econômico à frente do local de votação", lamenta Ricardo Nogueira

Eleição OAB-BA: Comissão Eleitoral se reúne após direção do Centro de Convenções solicitar remoção de 'paredão'

Eleições OAB-BA: Dinailton Oliveira avalia que encabeçou 'campanha de abnegados' em prol da advocacia

Eleições OAB-BA: "Fizemos uma campanha propositiva, ética", avalia Daniela Borges

Classificação Indicativa: Livre