Mundo

McDonalds demite funcionário que mostrou mofo em máquina de sorvete nos EUA

A imagem compartilhada pelo jovem em seu perfil do Twitter viralizou e foi reproduzida em diversos países

Publicado em 28/07/2017, às 08h36    Reprodução    Redação BNews

Aos que adoram os sorvetes e outros produtos da rede de fast-food McDonalds, eis uma notícia nada agradável. Um funcionário do restaurante foi demitido após divulgar em seu perfil do Twitter, uma imagem que mostra o acúmulo de mofo em uma máquina de sorvete da Mc. 
"Isso saiu de uma máquina de sorvete do McDonald's se vocês querem saber...", escreveu o jovem Nick, ex-funcionário de uma loja de La Place, no estado de Louisiana, nos Estados Unidos. A foto viralizou na web e já acumulou mais de 14 mil compartilhamentos, inclusive, em diferentes países. 
Em entrevista ao site Buzzfeed, Nick contou que ficou "completamente chocado" ao ver os fungos na estrutura interna da máquina. Ele ressaltou que nunca foi orientado a limpá-la. Com receio de perder o emprego, ele hesitou em divulgar as fotos. Mas cedeu por entender que os consumidores precisavam saber o que era servido. "Eu compartilhei porque queria que as pessoas soubessem o que estavam consumindo (...) As condições de trabalho eram horríveis. Todos eram inconvenientes e nada era limpo", denunciou ele.
Em outra postagem, ele reclamou dos alimentos crus usados pela empresa. "Nenhuma surpresa que seja congelado. Mas isso nem é carne ou peixe de verdade", rebateu aos seguidores. Nick ainda contou como dois funcionários do McDonalds o abordaram, de forma desrespeitosa, para que ele apagasse a postagem. O jovem se negou a deletar as fotos.
Resposta da empresa
Em contato com o mesmo site, um porta-voz da companhia alegou que a peça mostrada pelo ex-empregado não entrava em contato com a comida e que a lanchonete exige "limpeza constante". O dono da filial de La Place, John Valluzzo emitiu um comunicado ao portal para afirmar que a loja "conduz regularmente sessões de treinamento dos empregados e inspeções internas para assegurar que a equipe está seguindo práticas seguras de produção". Valluzzo ainda destacou que a lanchonete tem um "longo histórico de passar regulamente por inspeções de departamentos de saúde".

Classificação Indicativa: Livre