Mundo

Reebok terá que devolver dinheiro por propaganda enganosa

Empresa terá que pagar US$ 25 milhões em reembolso para clientes

Publicado em 29/09/2011, às 10h51        Redação Bocão News


A Comissão Federal de Comércio (FTC, na sigla em inglês) dos Estados Unidos tomou medidas contra o fabricante de calçados esportivos Reebok após queixas contra seu tênis, vendido como tonificador de glúteos.

A FTC anunciou esta quarta-feira que a Reebok, unidade da alemã Adidas, concordou em pagar US$ 25 milhões em reembolso para os compradores de seus modelos EasyTone e RunTone.

O dinheiro estará disponível aos consumidores, seja em forma direta ou FTC ou através de uma demanda coletiva aprovada pela justiça.

A Reebok anunciou falsamente que o tênis EasyTone proporcionava 28% a mais de força e tonificação nos glúteos e 11% mais força nos ligamentos e panturrilhas do que os tênis comuns, acrescentou a FTC.

Reclamações similares foram feitas contra as sandálias dos modelos RunTone e EasyTone, após uma série de avisos publicitários impressos, na TV e na internet desde 2009.

Classificação Indicativa: Livre