BNews Pet

Jovem que soltou pit bull que atacou e matou gato alega acidente 

[Jovem que soltou pit bull que atacou e matou gato alega acidente ]
03 de Maio de 2021 às 08:27 Por: Reprodução Por: Redação BNews

O dono da cadela pit bull que atacou e matou o gato Olaf, em São Pedro da Aldeia, no Rio de Janeiro, se apresentou na delegacia para ser ouvido sobre o caso que repercutiu na região após um vídeo mostrar o cão atacando o felino que morreu. 

O caso aconteceu no dia 16 de abril e câmeras de segurança registraram o momento. Ele se apresentou na quinta-feira (29), Em depoimento, o jovem de 22 anos alegou que o caso foi um acidente e que não soltou o animal de propósito.

 

Leia também
Aprenda como cortar as unhas do seu cachorro ou gato em casa; veja vídeo
Sem dados sobre crimes de maus-tratos, Bahia caminha a passos lentos na causa dos animais
BNews Pet indica: Confira seis boas opções de comedouros avaliados por especialista
Gatinho atrevido usa as patas para impedir carteiro de fazer entregas; veja vídeo
 

As imagens mostram que o dono do cachorro não reage quando o animal se solta. Em seguida, segundo o vídeo, o rapaz chutou o gato algumas vezes enquanto o cachorro ainda o atacava. Após repercussão, a polícia conseguiu identificar o dono do cachorro e o intimou.

Olaf era cuidado por um idoso de 61 anos. A dona do Olaf deixou o gatinho com o idoso porque ela está passando por um tratamento contra um câncer. "[Espero] que ele reconheça o que ele fez. Independentemente do que aconteça, que ele saiba que ele tá errado. Ele merece ficar preso pra ele pagar pelo que ele fez. Eu quero justiça", disse a dona do Olaf, Phamela Laporte.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar