Polícia

Conselheiro tutelar que teria sido ameaçado diz que há 8 anos sofre com palavras homofóbicas; idoso nega

[Conselheiro tutelar que teria sido ameaçado diz que há 8 anos sofre com palavras homofóbicas; idoso nega ]
17 de Maio de 2021 às 14:54 Por: Reprodução / Redes Sociais Por: Brenda Viana

A história do idoso que teria tentado atropelar um rapaz no bairro do Cabula na manhã deste domingo (16), segue com novas versões. Em entrevista ao programa Balanço Geral nesta segunda (17), Alex Teles afirma que vem sofrendo piadas por parte do idoso há oito anos, fato que é negado por seu Aloísio e a esposa. 

O jovem, que é conselheiro tutelar, prestou uma queixa contra o idoso pelo crime de homofobia na delegacia de Tancredo Neves, em Salvador. Na conversa, Teles conta que sempre que encontra o idoso no bairro sofre piadas homofóbicas. “Ele vem me agredindo há 8 anos verbalmente. Eu não posso ir no mercado que ele me xinga de viado e de outras palavras homofóbicas”, comentou. “Eu estou evitando isso há muito tempo, as injúrias e palavras homofóbicas por parte do seu Aloísio e da família dele. Até então, foram só agressões verbais, ontem foi [suposta] agressão física e decidi fazer esse boletim de ocorrência, porque a gente releva pela questão de ser uma pessoa de idade, mas quando vai contra minha integridade física fica complicado”, comentou ao vivo.

O rapaz ainda informou que, após o ocorrido, vem sofrendo ameaças por parte da família do idoso e afirma estar com medo. “Inclusive a família dele está me ameaçando, estou com medo, estou à base de calmante porque eu nunca passei por uma situação dessa”. 

Em contrapartida, o idoso e a esposa negam qualquer tipo de preconceito e alegam que sofrem com o rapaz com piadas. “Essa história não procede, o que ele está falando aí, ele quer se defender e quer se achar o poderoso, mas ele não é poderoso”, disse Aloísio. A esposa, que está acompanhando o marido na delegacia do idoso, no bairro dos Barris, em Salvador, disse que as piadas de Alex são constantes. “Esse povo mora lá há muito tempo e fica perturbando a gente, inclusive, já brigou com meu genro e meu genro já pensou em fazer algo contra eles, mas eu não deixei. Ele solta piada dizendo que meu marido é velho safado”, falou ao vivo. 

A esposa de Aloísio comentou que irá abrir um processo, principalmente pela exposição que o marido sofreu nas redes sociais. “Ele vai pagar, porque eu vou pedir uma indenização sobre isso. Ele não tinha nada que fazer isso, o rosto do meu marido no Instagram”, falou. 

A delegada que está averiguando o caso na delegacia do idoso, Elenice Nascimento, disse que poderia ter ocorrido uma tragédia, já que o idoso estava com um facão, considerado uma arma branca. “Poderia ter ocorrido uma tragédia, sim. Ainda não ouvi a outra parte para saber o que aconteceu, mas eu chamo atenção que é um idoso e as pessoas precisam ver a situação de vulnerabilidade. Mas assim, está tudo muito prematuro, vamos ver novos elementos para solucionar com mais eficiência”, comentou.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar