Polícia

Por causa de herança, cunhado mata advogada em Feira

[Por causa de herança, cunhado mata advogada em Feira]
18 de Agosto de 2012 às 09:51 Por: Aldo Matos | Acorda Cidade Por: Redação Bocão News
A advogada Maria Lúcia Cerqueira, de 63 anos, foi morta a tiros pelo cunhado na manhã desta sexta-feira (17), em Feira de Santana. Ela estava em um veículo, voltando para Salvador, onde faria uma audiência, quando foi atingida. As informações são do site interiordabahia.com.br.

O autor do crime, Evilásio Lima Cerqueira, de 67 anos, surpreendeu a vítima com uma arma calibre 38 e efetuou cinco disparos. Um dos tiros atingiu de raspão a irmã da vítima, Maria da Glória. Ambas foram socorridas ao Hospital Emec, mas a advogada não resistiu aos ferimentos e morreu.

A advogada morava em Salvador e estava em Feira de Santana desde ontem, a trabalho. Evilásio foi preso em flagrante pela polícia e, em depoimento, afirmou que matou a vítima por causa da partilha da herança de um familiar. Para a polícia, o crime foi premeditado

O corpo de Maria Lúcia vai passar por perícia no Departamento de Polícia Técnica (DPT), antes de ser liberado para sepultamento. A outra vítima continua internada e seu estado de saúde não foi informado.

Foto: Aldo Matos | Acorda Cidade
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar