Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Polícia

Tentativa de chacina quebra trégua de crimes violentos na Região Metropolitana de Salvador

[Tentativa de chacina quebra trégua de crimes violentos na Região Metropolitana de Salvador]
26 de Outubro de 2020 às 10:40 Por: Reprodução/ Polícia Civil Por: Aline Reis

Após a Região Metropolitana de Salvador não contabilizar nenhum tipo de crimes violentos letais intencionais (CVLI) durante quatro dias, na madrugada do último sábado (24), uma tentativa de chacina quebrou essa trégua, no município de Camaçari. Neste final de semana, 11 pessoas foram vítimas de assassinato e tentativa de homicídio. 

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), Ivanildo Santana, de 43 anos; Marcos Santos Teles, de 31; Walison Oliveira Alves, 18; Jeferson Oliveira Lopes da Silva, 33, foram baleados na Praça do Limoeiro, em Camaçari. De acordo com a Polícia Civil, um homem e um adolescente são suspeitos de envolvimento no crime foram apresentados na 18ª Delegacia Territorial com arma de fogo, munições, um veículo e uma motocicleta. O homem foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma de fogo e também foi realizado o auto de apreensão do adolescente. 

Ainda na cidade, às 00h deste domingo (25), Luiz Vinicius Santos Bastos, de 23 anos foi assassinado no Inocoop, já às 20h, Josimar dos Santos Paraguaçu, foi morto, na localide Verde Horizonte. 

Ainda na RMS, outros homicídios foram registrados em Dias D’Ávila e Mata de São João. 

Destaque também para Simões Filho, que ficou em segundo lugar, neste fim de semana, com o registro de assassinatos. Edson Santana da Cruz, de 40 anos, e mais dois homens de identidade ignorada tiveram a vida ceifada pela violência. 

Todos os indivíduos eram do sexo masculino e não há detalhes da circunstância dos crimes.  A Polícia Civil vai investigar os casos. 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso