Política

Oposição mantém emenda e vai obstruir votação de reajuste do servidor

[Oposição mantém emenda e vai obstruir votação de reajuste do servidor]
05 de Maio de 2015 às 16:51 Por: Paulo M. Azevedo / Bocão News Por: Juliana Nobre (Twitter:@julianafrnobre)


Sem indicativos de acordo, os deputados estaduais opositores vão obstruir a votação do reajuste salarial parcelado dos servidores públicos. Em conversa com  o Bocao News, o líder da oposição, Sandro Regis, afirmou que a estratégia é obstruir ao máximo a votação. A oposição apresentou uma emenda ao projeto que concede o reajuste de 6,41% em uma única parcela retroativo a janeiro. "Se o governo reduzisse secretarias e cortasse cargos comissionados, o Estado teria dinheiro para pagar os servidores. Vamos obstruir a votação, até que possamos chegar a um entendimento".
 
No entanto, o líder do governo, Jose Neto, afirmou que não há possibilidade de mudanças no projeto devido ao impacto de R$ 380 milhões aos cofres públicos. Questionado se o governo garante o pagamento da segunda parcela, diante da crise apontada, o líder afirmou que sim. "Vamos fazer o possível para resolver a situação", disse.
 
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar