Política

Dilma deve cortar investimento no programa Minha Casa, Minha Vida

[Dilma deve cortar investimento no programa Minha Casa, Minha Vida]
18 de Maio de 2015 às 09:16 Por: Redação Bocão News (twitter: @bocaonews)
A presidente Dilma Rousseff reuniu-se, neste domingo (17), com os ministros para discutir o tamanho do corte no orçamento de 2015 que pode atingir R$ 78 bilhões e não deve poupar nem programas prioritários, como o “Minha Casa, Minha Vida”. De acordo com o jornal Estado de S. Paulo, participaram do encontro Joaquim Levy (Fazenda), Nelson Barbosa (Planejamento) e Aloizio Mercadante (Casa Civil).
 
Ainda segundo a publicação, os cortes no “Minha Casa, Minha Vida”  devem afetar o ritmo de assinaturas de novos contratos previstos na terceira fase, promessa de campanha. A prioridade neste ano será preservar os contratos em vigor.
De acordo com o Estadão, o governo vai cumprir a promessa de manter os programas sociais, mas será necessário revisar metas, que não deverão ser implementadas na “intensidade” e “velocidade” do primeiro mandato. Além do contingenciamento de despesas, Levy pressiona por aumentos em taxas de juros de algumas linhas de crédito subsidiadas, como o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura (Pronaf).
 
Na área de transportes, segundo o periódico paulista, a expectativa é que o pacote de concessões a ser anunciados alivie o impacto dos cortes em construções de novos trechos rodoviários e ferroviários.
 
Matéria originalmente postada dia 17
 
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar