Política

Otto Alencar pede a Gilmar Mendes que antecipe julgamento da chapa Dilma/Temer

[Otto Alencar pede a Gilmar Mendes que antecipe julgamento da chapa Dilma/Temer]
18 de Maio de 2017 às 11:39 Por: Marcos Oliveira/Agência Senado Por: Aparecido Silva

O senador baiano Otto Alencar (PSD) pediu, nesta quinta-feira (18), durante discurso no plenário do Senado, que o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) antecipe o julgamento da chapa Dilma/Temer. A ação que pede a cassação da chapa eleita em 2014 está prevista para ser julgada no dia 6 de junho, mas segundo Alencar, de hoje até lá, a espera vai parecer "um século".

O presidente peemedebista foi gravado e delatado pelo dono da JBS, Joesley Batista, dando aval para comprar silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB). "O apelo que faço, e o faço agora porque é o caminho mais perto, mais rápido e seguro para a solução, seria que o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Gilmar Mendes, convocasse uma sessão extraordinária para julgamento, imediatamente, da chapa Dilma-Temer, que está marcada para o dia 6. Do dia 18, hoje, ao dia 6 é um século com essa situação que estamos enfrentando agora no Brasil", pediu o congressista.

"Portanto, esse seria o caminho mais rápido para a definição dessa situação que estamos vivendo, desagradável para todos nós e, de alguma forma, que deslustra a imagem aqui do Senado Federal, do Congresso Nacional e da política brasileira, mas seria o melhor caminho. Eu acho que tem que tomar decisões rápidas para resolver rapidamente isso", argumentou o pessedista.

Segundo Otto Alencar, "não dá mais para sustentar nessa situação de gravidade em que se encontra o nosso país".

Outro apelo feito pelo senador foi dirigido ao presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB). O pedido foi para que fosse instalado logo o Conselho de Ética, "que até hoje não foi instalado". "Haverá necessidade de julgamento e dar oportunidade àqueles que estão acusados de defesa. Essa é a minha consciência, o que eu acho. Não pode haver acusado sem direito de defesa, mas tem que instalar imediatamente o Conselho de Ética para que possa funcionar", frisou. O senador Aécio Neves (PSDB) foi afastado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e colegas articulam pedido de cassação do seu mandato na Casa.

Notícias relacionadas:

Primo de Aécio também é preso pela Polícia Federal
Irmã do senador Aécio Neves é presa pela Polícia Federal em Minas Gerais
Rui classifica momento de denúncia contra Temer como “tsunami”
Deputada Alice Portugal pede fim do governo, após denúncia contra Temer
Vídeo: Imbassahy grava mensagem em defesa de Temer após delação da JBS
PSDB já discute possível nome para suceder Michel Temer
STF determina afastamento de Aécio Neves; PGR pede prisão do senador
Presidente de comissão da OAB-DF é preso pela PF após delação da JBS
PF cumpre mandados na sede do Tribunal Superior Eleitoral; procurador é preso
Fachin determina afastamento do deputado que levou propina a Cunha
PF cumpre mandados judiciais em gabinete de Aécio Neves no Congresso Nacional
Presidente da holding J&F diz que Aécio pediu propina para pagar advogados

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar