Política

Jungmann diz que permanece no comando do Ministério da Defesa

[Jungmann diz que permanece no comando do Ministério da Defesa]
18 de Maio de 2017 às 18:10 Por: Reprodução Por: Redação BNews

Ao contrário das informações divulgadas na tarde desta quinta-feira (18), o ministro da Defesa, Raul Jungmann, não deixará o cargo. Por meio de nota, ele afirmou que  permanecerá no cargo “no pleno exercício da direção superior das Forças Armadas, em cumprimento das funções para as quais foi nomeado pelo Senhor Presidente da República”.

Antes do pronunciamento de Michel Temer, havia informações de que o ministro deixaria o cargo. Após a negativa do presidente, Jungmann permanece.

Jungmann, que é filiado ao PPS, decidiu ficar no cargo mesmo depois que o ministro da Cultura, Roberto Freire, renunciou.

Leia a nota divulgada pelo ministro Raul Jungmann:

NOTA À IMPRENSA

Brasília, 18/05/2017 – Face às notícias divulgadas pela imprensa, o Ministro de Estado da Defesa, Raul Jungmann, comunica que permanece no cargo, no pleno exercício da direção superior das Forças Armadas, em cumprimento das funções para as quais foi nomeado pelo Senhor Presidente da República.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar