Política

Ministros do PSDB continuam no cargo até reunião com Temer, diz líder

[Ministros do PSDB continuam no cargo até reunião com Temer, diz líder]
18 de Maio de 2017 às 20:58 Por: Folhapress Por: Folhapress
 
O líder do PSDB no Senado, Paulo Bauer (SC), afirmou na tarde desta quinta-feira (18) que os ministros tucanos continuam no cargo, pelo menos até a conversa de integrantes do partido com o presidente Michel Temer —reunião que, segundo ele, ocorrerá ainda nesta quinta.
 
"Nossos ministros continuam trabalhando, estão trabalhando e não vamos tomar nenhuma providência com relação à permanência deles no governo ou não antes de terem conversa com o próprio presidente Michel Temer, coisa que acontecerá ainda no dia de hoje, comandada pelo senador Tasso Jereissati", disse.
 
A sigla ocupa quatro ministérios: Secretaria de Governo, Relações Exteriores, Cidades e Direitos Humanos.
 
Bauer evitou opinar sobre se Temer deveria ou não ter deixado o cargo de presidente da República nesta quinta.
 
"A questão de renúncia é de foro íntimo. É muito pessoal. Eu acredito que ele conhece exatamente os fatos que foram apontados pela Justiça ou pelo processo de delação e ele deve ter segurança pessoal em relação ao que de fato aconteceu. Se cada vez que a gente ouvisse uma notícia tivesse que haver uma renúncia..."
 
Minutos depois de fazer pronunciamento no Palácio do Planalto em que diz que não renunciará ao mandato, Temer chamou a seu gabinete ministros do PSDB para pedir que eles permaneçam em seus cargos e mantenham o apoio do partido ao governo.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar