Política

Adriana Ancelmo fecha as portas do seu escritório de advocacia, afirma coluna

[Adriana Ancelmo fecha as portas do seu escritório de advocacia, afirma coluna]
27 de Maio de 2017 às 17:11 Por: Reprodução Por: Redação BNews
 
Adriana Ancelmo vai encerrar as atividades de seu bem-sucedido escritório de advocacia nas próximas semanas, conforme a coluna Radar Online, da Revista Veja. O escritório de advocacia da ex-primeira-dama do Rio de Janeiro Adriana Ancelmo é acusado de ser usado para lavar dinheiro do esquema de corrupção chefiado pelo marido e ex-governador Sérgio Cabral (PMDB), participa de uma disputa judicial bilionária, travada no STJ (Superior Tribunal de Justiça). De um lado, o município do Rio, de outro, a construtora Carvalho Hosken, uma das maiores da cidade, cuja defesa é integrada pela firma de Adriana, entre outros escritórios de advocacia.
 
O valor pleiteado no processo, que se arrasta há mais de 20 anos, é de R$ 1,5 bilhão, o equivalente a 5% do orçamento total da prefeitura para o ano passado. Em caso de vitória, os honorários advocatícios podem chegar a R$ 150 milhões.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar