Política

Vereadora critica interrupção de atendimentos do Projeto Viver

[Vereadora critica interrupção de atendimentos do Projeto Viver]
29 de Maio de 2017 às 09:08 Por: Redação BNews

A vereadora de Salvador pelo PSC, Lorena Brandão, criticou o governo do estado ao falar dos prejuízos causados pela interrupção de atividades do projeto Viver, que presta atendimento às vítimas de violência sexual. “Prometeram que não iam deixar o Viver morrer e não cumpriram. Só temos a lamentar a atitude do Governo do Estado em não se preocupar com as pessoas que são vítimas de violência sexual”, disparou. 

Segundo a legisladora, há um mês que os contratos de profissionais do programa não são renovados, apesar do apelo feito pela Câmara Municipal de Salvador para que o projeto não tivesse os seus atendimentos encerrados.

Em abril deste ano, a vereadora alertava para a possibilidde de paralisação das atividades do projeto e consequente superlotação do Centro de Referência Loreta Valadares, que é coordenado pela Secretaria de Política para Mulheres, Infância e Juventude de Salvador.

“Quando debatemos na Câmara o Projeto Viver, uma mulher se manifestou e pediu socorro. Ela teve a filha de apenas dois anos abusada sexualmente e pensou até em se matar, mas com o Viver pôde se recuperar deste acontecimento e seguir sua vida. Mas e agora? Onde essas pessoas serão atendidas? E os novos casos? Vai ficar por isso mesmo? Esperamos que o Estado tome uma posição, pois a vida é o nosso maior bem”, argumentou a vereadora.

O projeto garantia assistência médica, psicológica, social e jurídica. De acordo com a vereadora, antes de ser encerrado, o programa era mantido pela Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHS).

Ainda em abril, a SJDHS informou ao BNews que o projeto não seria encerrado, apenas passaria por uma reformulação. A proposta era a de que, além da SJDHDS, as secretarias de Política para as Mulheres (SPM), da Saúde (Sesab) e de Segurança Pública (SSP) possam cooperar com o projeto.

Notícias relacionadas:

Carlos Martins quer reformular Projeto Viver e vereadoras cobram melhorias
Lorena acusa estado de jogar responsabilidade do Projeto Viver à prefeitura
 

Publicada originalmente dia 28
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar