Política

Pastor foi preso por estupro no RJ

Quarenta mulheres teriam sido violentadas pela acusado

Publicado em 26/10/2010, às 17h41        Redação Bocão News

Foi apresentado nesta terça-feira (26) um estuprador suspeito de ter violentado 40 mulheres na Ilha do Governador e Itaboraí, no Rio de Janeiro. De acordo com informações do portal Terra, a Polícia Civil chegou até Waldinei Ferreira da Ressurreição, 34 anos, através do celular de uma das vitimas. A mulher do acusado estava utilizando o telefone que foi rastreado.

O detalhe do caso é que Waldinei se passava por pastor evangélico.  Apesar de alegar inocência o falso pastor foi reconhecido por diversas vitimas por causa de uma cicatriz que tem nas costas. Segundo a polícia, os crimes aconteceram em três períodos diferentes: em 2003, 2005 a 2007 e este ano.

Classificação Indicativa: Livre