Política

Bolsonaro: "Se ficar em lockdown 30 dias e acabar com o vírus, eu topo"

Marcos Corrêa/PR

Publicado em 22/03/2021, às 18h46    Marcos Corrêa/PR    Redação BNews

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou, em solenidade no Palácio do Planalto nesta segunda-feira (22), que, se o "lockdown" de 30 dias acabasse com o coronavírus, ele aceitava a medida. As informações são do site O Antagonista.

"Se ficar em lockdown 30 dias e acabar com o vírus, eu topo. Mas eu sei que isso não vai acabar (com o vírus). Pesquisas sérias nos Estados Unidos mostram que a maior parte da população contraiu o vírus em casa”, disse Bolsonaro, durante o ato de assinatura do decreto que regulamenta o novo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) e da sanção do projeto de lei que concede direitos previdenciários ao portador de visão monocular.

"Eu devo mudar meu discurso? Eu devo me tornar mais maleável? Eu devo ceder? Fazer igual à grande maioria? Se me convencerem do contrário, eu faço. Mas não me convenceram ainda”, completou o presidente da República.

Classificação Indicativa: Livre