Política

PTB sinaliza apoio a João Roma e engrossa coro bolsonarista por candidatura na Bahia

Reprodução Redes Sociais

Publicado em 07/07/2021, às 16h02    Reprodução Redes Sociais    Eliezer Santos

Cotado para disputar o governo da Bahia como representante do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o ministro da Cidadania, João Roma - hoje no Republicanos - começa a ser cortejado por legendas mais próximas aos ideais bolsonaristas. Uma delas é o PTB, que declarou apoio à eventual caravana rumo ao Palácio de Ondina, durante um encontro com o presidente da executiva nacional, Roberto Jefferson, e o presidente estadual do PTB, Gean Prates, nesta terça-feira (6), em Brasília. 

Embora ainda não tenha batido o martelo se realmente irá para a disputa, Roma já recebeu sinal verde da família presidencial, mas especialmente do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), para se apresentar como terceira via contra as eventuais candidaturas de ACM Neto (DEM), seu antigo aliado, e Jaques Wagner (PT). 

"João Roma é o candidato de Eduardo Bolsonaro para o governo da Bahia. Só depende dele”, disse o parlamentar em recente entrevista à rádio Brado. 

Na avaliação de interlocutores, a chegada do PTB engrossa o coro bolsonarista e distancia Roma de uma possível reconciliação com ACM Neto no sentido de formar uma frente ampla de oposição ao PT na Bahia. 

De todo modo, desde que chegou ao ministério da Cidadania, João Roma tem intensificado articulações para arregimentar prefeitos e lideranças do interior, fazendo sondagens sobre suas possibilidades eleitorais.

Classificação Indicativa: Livre