Coronavírus

Leo Prates diz que Salvador avançou em tratativas com a Janssen: “É a vacina mais adequada ao Brasil”

[Leo Prates diz que Salvador avançou em tratativas com a Janssen: “É a vacina mais adequada ao Brasil”]
12 de Janeiro de 2021 às 10:33 Por: Arquivo BNews Por: Diego Vieira e Yasmin Garrido

O secretário municipal de Saúde de Salvador, Leo Prates, revelou, na manhã desta terça-feira (12), que a Prefeitura já está em tratativas avançadas com o Janssen-Cilag, laboratório belga que atua como braço farmacêutico da gigante americana Johnson & Johnson para a fabricação da vacina contra a Covid-19. Para ele, o imunizante da Janssen seria o mais adequado para o Brasil.

“Estamos em tratativas avançadas com a Janssen, por entender que é a vacina mais adequada ao Brasil, mas, claro, que contactamos todos os fabricantes. Não podemos ter preconceito com vacinas, porém a da Janssen é conservada entre 2 e 8 graus celsius de temperatura, além de ser de uma única dose, o que facilita muito o nosso trabalho”, explicou.

Ainda segundo Leo Prates, a cidade de Salvador está preparada para receber as vacinas e iniciar a imunização da população. “Temos em uma das unidades quatro ultra-freezers, isso possibilita a estocagem de 160 mil doses de vacina. Na nossa central de logística, em Pirajá, temos um milhão de seringas e agulhas, e estamos com compra aberta de 450 mil, porque há vacinas que são duas doses”, disse.

O secretário ainda prometeu iniciar a vacinação após 72 horas do recebimento das doses, reafirmando que a estrutura do município tem capacidade para imunizar 75 mil pessoas por dia. Leo ainda agradeceu ao Governo do Estado, pela parceria da SMS com a Sesab, e ao governador Rui Costa (PT), que, segundo ele, tem feito um planejamento conjunto com a Prefeitura para salvar a vida das pessoas.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar