Direto de Brasília

Eures diz que ‘tática’ de Temer para conseguir votos não funciona

[Eures diz que ‘tática’ de Temer para conseguir votos não funciona]
17 de Maio de 2017 às 18:30 Por: Paulo Macedo// BNews Por: Juliana Nobre e Luiz Fernando Lima*

Para o presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB), Eures Ribeiro (PSD), a ‘tática’ de Michel Temer em reduzir dívidas das prefeituras com a Previdência em troca de apoio nas reformas, não funciona. Temer estaria de olho na influência dos prefeitos sobre deputados federais e senadores. Em entrevista ao BNews, nesta quarta-feira (17), durante a Marcha dos Prefeitos, em Brasília, Ribeiro foi enfático: se retirar o que já foi negociado, nada mudará.

“Não funciona. Temos que ver até que ponto essa medida será boa para o município. Porque a maioria já tem outra negociação. Se aquele refinanciamento com os juros e moras que eles adquiriram lá atrás forem jogados para esse, nada vai mudar. Vai ficar elas por elas. Então nada muda”, ressaltou o prefeito.

Temer anunciou uma medida provisória que parcela em 200 meses as dívidas dos municípios com a Previdência Social, redução de 25% nos valores dos encargos e multas, além de corte de 80% dos juros que incidem sobre o montante do débito. O total devido pelos municípios à Previdência supera os R$ 75 bilhões. 

Ainda em entrevista ao BNews, Ribeiro afirmou que entra na pauta de votação no Senado, desta quarta-feira, a proposta que simplifica a prestação de contas de pequenos municípios, o chamado “Simples Municipal”. A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 77/2015, facilitará a prestação de contas, no que se refere à folha de pessoal, bem como facilita o acesso a mais recursos.

* Luiz Fernando Lima direto de Brasília

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar