Eleições 2020

Kiki acha que Isidório vai cair e Bruno vencerá no 1º turno em Salvador

[Kiki acha que Isidório vai cair e Bruno vencerá no 1º turno em Salvador]
Por: Reprodução/Metrópole FM Por: Henrique Brinco 0comentários

O vereador Kiki Bispo (PTB) não acredita que o deputado federal Pastor Sargento Isidório (Avante), atual líder das pesquisas de intenção de voto para  a prefeitura de Salvador, vencerá o pré-candidato de ACM Neto, Bruno Reis (DEM). Fontes do BNews dão conta de que o grupo carlista se prepara para enfrentar o parlamentar no pleito de 2020.

"O povo da cidade encontrou um porto seguro com o prefeito ACM Neto e não vai arriscar. Acho que quando a política começar, a tendência é que Isidório caia, porque você não consegue enxergar nele uma política estável para Salvador. Vivemos em um momento ímpar na cidade", declarou, em entrevista ao "Jornal da Cidade - II Edição, com José Eduardo", veiculado na noite desta quarta-feira (15), na Metrópole FM. "Vamos trabalhar com muita humildade, mas vamos perseguir a vitória ainda no primeiro turno".

Questionado sobre quem será o vice na chapa de Bruno, Kiki destacou três nomes, mas deu destaque para o secretário de Saúde e pré-candidato do PDT, Leo Prates. "O vice-prefeito Bruno Reis imprimiu uma dinâmica na vice-prefeitura para o candidato a vice entrar com novo viés. Não será o vice somente para entrar e substituir o prefeito, mas ser engajado com as questões da cidade. E Bruno Reis tem feito isso com maestria", analisou.

"Temos diversos nomes. Poderia citar aqui o Leo Prates, que está como pré-candidato. Conhecendo bem a origem política de Leo Prates, foi meu candidato a deputado, não acredito que ele venha bater chapa. Até porque o prefeito ACM Neto já anunciou o grupo. São 12 partidos que se juntaram de forma inédita. E preciso citar aqui o presidente Geraldo Júnior, que retirou a pré-candidatura", completou.

Segundo o edil, "a terceira via seria um nome ligado à igreja, que pudesse se juntar às forças ligadas a Bruno Reis".

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas