Eleições

Em Salvador, Marina Silva visita memorial de Mandela e fala em investir em mobilidade urbana

[Em Salvador, Marina Silva visita memorial de Mandela e fala em investir em mobilidade urbana]
10 de Setembro de 2018 às 11:28 Por: Adenilson Nunes/BNews Por: Guilherme Reis e Aparecido Silva

A candidata a presidente da República pelo partido Rede, Marina Silva, cumpriu agenda em Salvador nesta segunda-feira (30). A candidata esteve na Praça Nelson Mandela, na Liberdade, e visitou a Estação Ferroviária da Calçada.

Em conversa com a imprensa, Marina destacou o potencial da Bahia no setor turístico. "O estado da Bahia é um estado propício ao turismo. Quando o país tem a sua economia aquecida, nós temos o retorno dos turistas e o comércio aumenta", observou.

A postulante ao Palácio do Planalto também afirmou que pretende manter o Bolsa Família, programa considerado carro chefe do governo do ex-presidente Lula. "No estado da Bahia, quero assumir compromisso com as políticas sociais, manutenção do Bolsa Família, educação de qualdiade, creche para todas as crianças de zero a quatro anos de idade e um sistema de seguraça pública que proteja as comunifades. Onde a população negra não seja tratada com suspeita pelo simples fato de ser negra", disse.

Na Estação Ferroviária da Calçada, a candidata criticou a dependência do país do modal de transporte rodoviário. "Nós estamos aqui também para o compromisso com a mobilidade urbana de qualidade, respeitando a população que não tem acesso ao transporte público de qualidade. O Brasil não tem uma diversidade de transporte. Vamos apostar nos diferentes modais de transporte urbano e de carga", apontou a candidata, que cita os modais hidroviário e ferroviário como alternativas de transporte de carga.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar