Eleições

"Cresça, apareça e não me aborreça", diz Kertész sobre Neto

["Cresça, apareça e não me aborreça", diz Kertész sobre Neto]
14 de Agosto de 2012 às 14:43 Por: Redação Bocão News (@bocaonews)
O programa Se Liga Bocão da rádio Itapoan FM desta segunda-feira (13) foi atípico. O apresentador Zé Eduardo e o entrevistado do dia, o prefeiturável Mário Ketész (PMDB), foram obrigados a começar o programa por telefone por conta do trânsito intenso na cidade. Ambos não conseguiram chegar a tempo na sede da Itapoan. “Salvador está intransitável e precisa de um transporte público decente para evitar que as pessoas usem seus automóveis todos os dias”, avaliou Kertész, que nesse momento, se demonstrou indignado ao lembrar que o prefeito João Henrique esteve no show de Diogo Nogueira no último sábado (11). “Sinceramente, eu não sei como o prefeito consegue ficar com essa cuca fresca. Ele só quer namorar e andar com comitiva em volta dele em festinhas, enquanto a cidade está toda acabada. Apertem os cintos que o piloto sumiu, foi ver o show de Diogo Nogueira”, ironizou.

E ele não parou por aí. Momentos antes de chegar na rádio e durante toda a entrevista, o candidato adotou um jargão: “Salvador não é cidade para principiante”. A partir daí, obviamente, não faltou críticas aos adversários ACM Neto (DEM) e Pelegrino (PT) que nunca foram prefeitos. “Neto diz que Salvador anda com as suas próprias pernas. Salvador não tem essa condição. Nós precisamos de recursos e eu estou tranquilo quanto a isso. Vamos buscar os recursos e executar bons projetos. Para isso, basta uma boa equipe e não dividir a prefeitura com tantos partidos. O PMDB não tem nenhuma divisão e não aceito dividir com nenhum partido a administração da cidade”, pontuou o candidato que não aprova as coligações dos adversários. “Pelegrino tem o apoio de 15 partidos e Neto, cinco. Você acha que esses partidos não vão querer dividir a prefeitura? Eu tenho experiência, já consegui muitos recursos nacionais e internacionais em minhas gestões e sei que Salvador não é para principiante”, repetiu e completou: “Cresça, apareça e não me aborreça”, disse o candidato sobre Neto.

Mesmo criticando a busca por apoio dos outros candidatos, Mário Kertész (PMDB) aproveitou a oportunidade para pedir o apoio de Imbassahy (PSDB) à sua candidatura. “Ele foi um bom prefeito e tem experiência. Eu gostaria muito que ele apoiasse a minha candidatura”, revelou. Ao ser perguntado se gostaria do apoio de João Henrique, ele foi bem honesto. “Vá de retro satanás! Não quero ele perto de mim”, finalizou.


Foto: Divulgação
Nota originalmente publicada às 19h do dia 13


Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar