Famosos

Em vídeo, Geraldo Azevedo critica Bolsonaro e acusa Mourão de tortura: "fui preso e torturado"

[Em vídeo, Geraldo Azevedo critica Bolsonaro e acusa Mourão de tortura: "fui preso e torturado"]
23 de Outubro de 2018 às 09:48 Por: Divulgação Por: Redação BNews

O cantor e compositor Geraldo Azevedo se manifestou contra o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) e ao candidato a vice-presidente, general Hamilton Mourão, durante um show na cidade de Jacobina, no centro-norte da Bahia, no último sábado (21).

Na ocasião, o artista disse que foi torturado na ditadura militar e afirmou que o general Mourão teria sido um dos torturadores. “Olha, é uma coisa indignante, cara. Eu fui preso duas vezes na ditadura, fui torturado, você não sabe o que é tortura, não. Esse Mourão era um dos torturadores lá”, declarou.

“Eu fico impressionado do povo brasileiro não prestar atenção nas evoluções humanas. Olha, eu não sei se isso aqui vai entrar em algum choque com a prefeitura, coisa e tal, mas é o meu sentimento de indignação em relação com o que pode acontecer com o Brasil”, acrescentou o músico, ganhando aplausos da plateia. “E essa alegria toda que está tendo aqui vai se perder, vocês estão sabendo disso. O Brasil vai ficar muito ruim se esse cara ganhar”, finalizou Geraldo.

Assista:

 

 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar