Política

MBL aciona a PGR após Gleisi Hoffmann ir à posse de Nicolás Maduro

[MBL aciona a PGR após Gleisi Hoffmann ir à posse de Nicolás Maduro ]
12 de Janeiro de 2019 às 08:23 Por: Renato S. Cerqueira/Folhapress Por: Redação BNews 0comentários

O MBL entrou com uma representação criminal na Procuradoria-Geral da República contra a presidente do PT, Gleisi Hoffmann.

A alegação é que ela teria infringido o Artigo 8 da Lei de Segurança Nacional, que afirma que é crime “entrar em entendimento ou negociação com governo ou grupo estrangeiro, ou seus agentes, para provocar guerra ou atos de hostilidade contra o Brasil”. 

“A postura da Gleisi como presidente do PT e seu alinhamento com o Nicolás Maduro, bem como as críticas ao Grupo de Lima, ao qual o Brasil é signatário, acentuaram a hostilidade do ditador venezuelano ao governo brasileiro”, afirma Rubinho Nunes, advogado e coordenador do MBL. A informação é da Coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo. 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

Eduardo Entrevista

Mais Lidas